10/03/2010

Dieta de Emergência

| |
Tipo: jogo rápido hoje.

Eis que meu marido vai se pesar em uma balança da farmácia. Ele achou estranho ter emagrecido tanto. O peso nesta balança se mostrou bem acima do da balança lá de casa. Fui ver o que era. Bateria fraca. Troquei a bateria. Resultado: 67,8 Kgs!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

Mais de 5Kgs a mais!!! E nem senti diferença nas roupas!!!!!!! Ou eu tô ceguetinha da Silva, ou meu cérebro tá me enganando! Nem vem que não tem vivente! Aqui o buraco é mais embaixo!

Na semana retrasada ganhei da Bioslim um kit composto por shake, chá vermelho em pó e substituto para refeições salgadas. Quer saber? Vou cair em cima valendo! Quero neeeem saber! Não volto pro peso anterior neeeeeem a pau Juvenal!

E tenho dito ok? Meu esforço não terá sido em vão.

Sai gordura, que este corpo não te pertence!!!!!!!!!


Beijos, visito vocês logo mais.

05/03/2010

Se vier alguém, avisa que eu estou com PRE-GUI-ÇA!

| |
Que graça tem a vida se não dermos uma espreguiçada básica de vez em quando? Ou de vez em sempre, cada um sabe do seu, rs... Enfim, ultimamente minhas noites têm sido assim: deliciosamente preguiçosas. Se há algo em que tenho me empenhado ultimamente é em fazer as coisas sem pressa. Digitar sem pressa, para evitar erros de digitação, letras trocadas, etc e talz, entre outras coisas, rs... Ir do trabalho para casa e vice-versa sem pressa. Só curtindo. Acho que isso tem influenciado muito meu dia-a-dia, tornando-o mais tranquilo.

Mas preciso dormir mais, e isso é fato. Não por insônia, nem nada do gênero. Ou pode ser que seja, mas não tenho percebido, rs... A questão é que minhas noites têm sido preguiçosas no sentido de não ter obrigações chatas neste ano. Mas eu acabo me entretendo em outras atividades e, chegando a hora de dormir, muitas vezes o sono não chega junto, rs... Tenho o péssimo hábito de pensar demais, e isso atrapalha meu sono! Síndrome do Pensamento Acelerado. Se ela existe de verdade (e eu acho que sim) eu tenho. Então acordo com um soniiiinho, rs... Mas o trabalho me consome as horas e, quando vejo, elas já passaram. Opa, isso é bom!

Bom, sei que nessas, eu tenho conseguido controlar minha alimentação. E voltei aos 62,5Kgs, eu ouvi um aleluia? Hehehehehe... Muito bom voltar ao peso em que eu estava. Agora é o momento do policiamento. Não quero mais dieta na minha vida. Quero saúde. E para isso, a alimentação tem que ser saudável. Óbvio né, dãr, rs... Tenho feito 4 caminhadas de, em média 25 minutos por dia. Isso dá um total de 1h40min de caminhada por dia. E não as faço a passo de lesma. Caminhar tranquilamente, para mim, nunca foi caminhar devagar. Meu marido (sim, ainda é estranho chamar meu namorado de quase 7 anos de marido, rs) reclama sempre que eu caminho muito rápido, haha! Mas eu faço um ritmo bacana, que dá um calorzinho legal (não, não é legal, rs), mas que não me faz chegar no trabalho toda grudenta. Bom, nada que um lencinho "Banho de Gato", da Natura, não resolva, rs...

Enfim, entre trabalho e casa. Entre o marido e eu mesma. Entre meus cursos de inglês e espanhol no LiveMocha. Entre Farmville e Pet Society. Entre Big Brother e telejornais. Eu consigo me manter na linha. E sabe que os dias têm sido muito bons? Quero mais!

E falando em querer mais, fiquem de olho, logo tem sorteio por aqui. Só falta chegar uns produtchenhos que uma certa marca aí me enviou. Em duas "vias": uma para mim testar, outra para vocês! E aí, quem vai querer?


Beijo gente, bom final de semana para vocês!


FUIZ...

02/03/2010

Tome jeito,menina!

| |

Olá pessoal!


E então, como vão todos? Espero que estejam todos bem, bem comportadinhos(as) e com tudo em cima!

Lindo o cachorrinho, hein? Morro de vontade de ter um! Só tem um problema: adoro filhotinhos, mas não curto quando eles crescem, hahahaha! Então, deixemos o cãozinho para quando eu tiver uma casinha com um pátio lindo e espaçoso!

Nos últimos dias andei dando umas jacadinhas básicas. Na verdade, eu deveria chamá-las de relaxamento mesmo. No mau sentido da palavra. Me descuidei e agi como se não tivesse peso algum para manter. Ora, todos sabem que manter o peso é difícil pra caramba! De nada adianta ter mudado meus hábitos nos últimos meses se, ao alcançar minha meta, for deixando eles voltarem aos poucos. De grão em grão...

Enfim, engordei. Não me pesei, confesso. Estou com medo de ver na balança um peso maior do que eu imagino ter ganho. Não observei alteração nas roupas, mas tenho um lugarzinho por onde vejo nitidamente o ganho/perda de peso: o famoso "vão das pernas". Quando as coxas começam a se roçar um pouco mais forte, já sei que ganhei algum peso. E sim, elas estão se roçando um pouco mais. E então, antes que deslanche a situação, já voltei à minha rotina alimentar. Voltar à ela não foi difícil. Até porque meu pecados da gula foram totalmente "gulosos" mesmo: sorvete, picolé cremoso, pizza, cachorro-quente. Males do olho grande.

Já senti uma maior disposição. Vou deixar para me pesar na sexta-feira e espero já ter voltado aos 62,5 ao menos. Quero qualidade de vida, e é isso o que me importa.

No mais a vida vai seguindo de um jeitinho bem gostoso. No trabalho, muitas coisas a fazer. Mas nunca tive medo de trabalho. E quanto mais tarefas, mais rápido o tempo passa. Apenas estou procurando manter a calma em dias mais cheios.Vejam bem, eu adoro um docinho. Então, para não ficar tão mal na foto, tenho sempre aqui na mesa, um potinho com balas de banana, naturais. Docinho e saudável. O problema é que tudo que é demais, é demais. Ontem eu tive uma tarde muito cheia, mal dei conta de tudo o que tinha para fazer. E como fico o dia todo na frente do computador, temhoras que as costas cansam, os dedos cansam de digitar, as pernas de ir da impressora para a mesa do computador e vice-versa. Nesse correria, a ansiedade tomou conta e, quando percebi: cadê minhas balas? Havia comido todas. Sem perceber, por pura ansiedade. Então deixei o potinho mais distante do computador, de modo que terei de me deslocar até ele se quiser uma bala, e aí dá tempo de pensar melhor o caso, rs...

À noite geralmente dou uma ajeitada na casa, preparo a refeição do dia seguinte, dou uma voltinha com o maridão, assisto televisão, vejo e-mails, jogo uns joguinhos no computador, faço minhas aulas de inglês e espanhol, e dou uma descansadinha básica. No sábado á noite fui jogar vôlei com uns amigos e, como eles jogam todo final de semana, vou começar a ir direto. Vai ser muito bom voltar a jogar vôlei e, de quebra, queimar umas calorias! Sem contar nas endorfinas, etc, etc, etc...

Ah, ontem quase fui atropelada. Eu deveria dizer, na verdade, que quase fui assassinada. Sério! Explico: eis que venho eu para o trabalho, bem tranquila. Em uma esquina, olho para os lados e vejo que vêm carros. Paro para esperá-los passar. Uma senhora para o carro e faz sinal para que eu passe, e ainda diz: "Pode passar!". Ok, fui. E não é que, quando eu estva bem na frente do carro dela, ela tocou o carro pra cima de mim? Eu não sei se ela pisou no acelerador sem querer, o que houve, sei que bateu na minha perna (menos mal que de leve), e ainda ficou brava! Fiquei mais brava ainda e disse umas coisinhas pra ela, rs... Sem ofensas, que não é do meu tipo, mas chamei de barbeira, hehehe... Pensando bem, acho que ofendi sim... Bom, mas não era mentira! Se foi intencional, ela é louca! Se foi sem querer, é barbeira, tirou a carteira d emotorista por Correio! Hahahaha... Sei que não me machuquei, mas meu joelho da perna em que ela bateu é todo estragado e está dolorido, affs! mas que nada...


Enfim, hoje só um oizinho! Logo visito todos!


Beijos!


FUIZ...