28/02/2011

Should I stay or should I go...

| |
Mais um meme que roubei da Manu. A Manu, essa coisa linda e amada que tá com o coraçãozinho dodói agora, mas que logo vai ficar bem se depender do meu carinho!


Atual música favorita?
Forget You, versão de Glee para a música Fuck You, Cee-Lo, cantada por Gwyneth Paltrow.



Último filme que você assistiu? Gostou?
Jogo do amor em Las Vegas, não é novo, mas foi o último que assisti, no sábado, achei bem legalzinho..

Três coisas que andam te deixando chateado:
(falta de) Dinheiro, peso e saudades.

Três fatos aleatórios sobre você:
Sou estabanada, falo muito rápido e detesto falar no telefone.

Um sonho que você teve recentemente?
Essa noite acho que nem sonhei nada. Mas da última vez lembro de sonhar estar grávida, prestes a dar à luz, e todo mundo correndo comigo pro hospital, aí meu marido se perdeu e enfim o bebê nasceu (ainda bem que pulei a parte do parto no sonho), coisa mais linda. Llembro de todo mundo me paparicando e me dando sorvete e chocolate. Em seguida eu já estava em outra cidade, comprando um carrão, em meio a inúmeras lojas de roupas feias, com pilhas de calças jeans. Cheguei em casa e pensei: "Ué, eu tinha um bebê!" Perguntei por ele pra minha mãe e ela disse que eu tava loca, que não tinha bebê nenhum, aí comecei a chorar feito doida e acordei, rs.

Três partes do seu corpo que você gosta:
Olhos, pés e mãos.

Top 5 palavras/frases que você mais usa:
1. Puta merda! (aham, terrível isso)
2. Baaaarbaridade!
3. "Oi, aqui é a Denise, da 14ª..."
4. Fala sério! ¬¬

Duas coisas que te deixam animado pra este ano:
Ih. A festa de ano novo???

Olhe pra sua esquerda. O que você vê?
Meu criado-mudo, cheio de livros e revistas.

Qual é o filme que você mais assistiu?
Acho que dá empate entre Rocky, Indiana Jones e Bridget Jones.

O que nunca falha em te fazer sorrir?
Meu sobrinho e minha irmãzinha.

Melhor forma de relaxar?
Ler.

Citação favorita do momento?
"O que não te mata, te fortalece." Nietzche.


Quem quiser fazer, se joga gente!


Beijos!

27/02/2011

Cookies Integrais à lá Denny!

| |
A noite chegou por aqui e a fome deu uma aparecida básica. Olhei para o pão, ele olhou para mim e não nos acertamos. Sabe quando você sente fome, mas nada do que tem à disposição apetece? Então, foi isso que aconteceu. Fui dar uma organizada na micro-dispensa, e vi que tinha umas caixas com restinhos de coisas. É um saco usar farinha e guardar o pacote por uma meia xícara que sobre. Mas faço isso. Então pensei: vou gastar esses restinhos de tudo e fazer uns cookies. Olhem no que deu a brincadeira:


Gente, por favor, cliquem na imagem e aumentem, a foto ficou linda, hahahaha! A receita? Os restos que eu tinha na dispensa: uma meia xícara de aveia, acho que isso mais ou menos de farinha, o mesmo de farelo de soja, farinha de linhaça, e umas 3 colheres de sopa de cacau em pó.Tudo no olhômetro né gente, tudo "mais ou menos isso". Misturei os ingredientes secos e acrescentei açúcar, uma colher de chá de bicabornato de sódio e uma pitada de sal. Aprendi que o sal realça o sabor do doce, aí né... A regra que eu usei pra mistura ficar no ponto foi: acrescentei 1 ovo inteiro e 2 colheres de sopa de manteiga em temperatura ambiente. Conforme fui misturando, achei que a mistura ainda estava muito seca e fui acrescentando leite desnatado aos pouquinhos. BEM AOS POUQUINHOS gente. O segredo é misturar bem. Não fica uma massa com uma liga boa, fica mais como se fosse uma massa podre, quebradiça, por conta da aveia em flocos que usei. E, meu povo, é isso que dá o charme e aquela coisa deliciosinha na hora de morder. O açúcar é aquela coisa: põe um POUCO e dá uma provadinha na massa. Não fiz muito doce. Se eu tivesse açúcar mascavo teria usado, mas fui no cristal mesmo. E a manteiga light, ok? Untei uma assadeira rasa e fiz bolinhas com duas colheres de sopa. Se você tiver uma dessas colheres para sorvete, parabéns, use ela que fica lindo o cookie, rs...

Não deixe muito perto um do outro, eles espalham bastante. Alguns dos meus se agarraram bem juntinhos e gritaram "Não solto!!!". Mas comigo é assim: calma que eu tenho um plano!!! Forno pré-aquecido em 200ºC, cerca de 15, 20 minutos. Vai dando uma espiada, quando começar a escurecer desliga, porque se ele escurecer demais meu bem, desiste que torrou. Aí, outro segredinho: tira do forno e NÃO OUSE tirar da assadeira, ele fica meio mole. Agora é a hora de pegar aqueles metidos que se grudaram e passar uma faquinha entre eles pra separar. Deixa eles quietinhos por uns 5 minutinhos e já dá pra desenformar, saem que uma beleza, coisa mais linda.

Aí né, um cházinho, ricota (prefiro a Tirolez, é suave e light gente, ainda que aqui eu não tenha achado a versão light mesmo dela) e corre pro abraço! Mentira, morde que é melhor! Olha só:


Agora a última foto, que é pra você começar a semana sofrendo como eu, ou correndo pra cozinha catar os restinhos!


Então galerinha, boa semana pra vocês, que a minha vai ser corrida! Sala nova, colega nova, horários novos!

Beijão!

Cookies Integrais pra criançada!

| |
Achei muito bacana esse vídeo que ensina a fazer cookies integrais. E o melhor, dá umas dicas de como levar a criançada pra cozinha e assim, melhorar a alimentação dos danados!





Olha, eu nem sou criança, mas me amarro num cookie integral, então em breve farei isso aí, hahaha!
Beijos!

Morre um Imortal

| |

Hoje faleceu Moacyr Scliar, escritor gaúcho de 73 anos e imortal da Academia Brasileira de Letras desde 2003 (eleito por 35 dos 36 membros da Academia). Não tenho o costume de noticiar nada do gênero aqui no blog, mas ele merece, sempre foi um dos meus favoritos. Formado em medicina, com diversos cursos no exterior, especialista em saúde pública como médico sanitarista, pós-graduado em Israel, Doutor em Ciências e, a convite, professor visitante na Brown University e na University of Texas.

Escritor desde 1962 quando lançou "Histórias de um médico em formação", não parou mais. Atualmente colaborava com excelentes textos para o Jornal Zero Hora, o maior do estado do Rio Grande do Sul.

Alguns de seus livros mais conhecidos:
  • O exército de um homem só (1973).
  • Um sonho no caroço do abacate (1995).
  • O sertão vai virar mar (2002).
  • entre outros.
Tive a oportunidade de vê-lo no ano passado, em uma de suas palestras aqui em Santo Ângelo. Excelente sua maneira de se comunicar com jovens e adolescentes. Não sou de tietagem, mas aproveitei a oportunidade para coneguir uma foto com ele:


Minha pessoa está medonha na foto, mas ele vale o mico, rs. Você pode acessar a notícia sobre seu falecimento no portal Terra, clicando AQUI.

Para acessar a bibliografia do autor, acesse AQUI

E acesse sua biografia no site da Academia Brasileira de Letras AQUI..

Sem dúvida, perdemos um grande homem. 



"Para sempre é muito tempo. O tempo nunca pára. Só a saudade é que consegue amargamente fazêr as coisas pararem no tempo. Como é triste não ter tanto tempo para quem se ama..."

(Moacyr Scliar)


Imagem: Portal Terra


Beijos.

25/02/2011

Dona de casa 2.0

| |
Título do post inspirado no blog homônimo http://marinarodrigues.com.br/


Sempre falei por aqui que o sonho da minha existência é largar essa vida de funcionária pública com um salário porcaria (que me faz ter raiva toda vez que vou ao banco) e virar uma dona de casa. Um emprego em meio turno em algo que eu realmente goste também viria a calhar. Ok, mas por hora isso é inviável, entao vamos lá espetar o balãozinho do pensamento com um alfinete e PLOC! Voltamos à realidade.

Não gosto de limpar fogão. Sempre ajudei minha mãe com o serviço da casa, mas deixar a superfície brilhando como se nunca houvesse sido usada, definitivamente não é algo genético, porque não herdei esse dom. Até consigo um acabamento aceitável, carinha da limpeza, mas não tem aquele brilho delícia do fogão da mãe.

Maridão usa bastante o fogão já que, quando estou trabalhando, ele chega em casa bem antes de mim e esquenta o almoço e prepara alguma coisinha que possa precisar. Mas... POBRE FOGÃO! A sujeira é uma lástima. Então encontrei uma solução para pelo menos aliviar a situação:


Essa folhas de alumínio são uma beleza, nossa! Põe embaixo dos acendedores, põe a grade e voilà! Não impede que salte sujeira na parede, nas bordas, mas enfim, já ajuda muito, hahahaha! Paguei R$2,35 no Nacional, esse vem com 8 folhas, o que para um fogão 4 bocas como o meu, dá para usar duas vezes. Dependendo do nível de sujeira dá pra deixar a semana toda! E o melhor: RECICLÁVEL gente! Ultimamente tenho prestado atenção à este detalhe nas embalagens dos produtos que uso, façam isso também, o planeta agradece!


Beijos!

Imagens: Site 123RF e arquivo pessoal.

24/02/2011

Os gyozas

| |
Aí que um dia desses de férias, estava eu pulando de um site ao outro e cheguei no Panelaterapia. Adoro esse blog, aborda a cozinha de um jeito descomplicado e gostoso, assino a newsletter para receber no e-mail e garantir que não irei perder nada. Pulando de post em post, me deparei com o que falava sobre os gyozas. Gyoza é uma comida típica da cozinha oriental, uma espécie de pastel cozido/assado/frito. Ele tem diversas versões de recheios e preparação. Lembro de ter comido no Restaurante Casa Oriental, em Porto Alegre um com recheio de abóbora que era uma delícia e até chegar neste post da Tati eu não sabia o nome dele. Mas o gyoza tem um formato inconfundível. Então me bateu aquela vontade de fazer.

Cozinhar, para mim, é uma terapia. Ainda bem que ultimamente ando numa "vibe" de comida mais saudável e tal, assim ao menos ajuda na minha dieta. Eterna dieta. Ok, adelante. Então que no post, (esse aqui) a Tati fornecia o link para o blog da Marisa Ono, outra cozinheira de mão cheia, onde havia a linda receita dos gyozas. Fiquei na vontadinha de fazer, e havia decidido que ontem seria o dia. Mas aí que meu estômago não ajudou, muitas mudanças e coisinhas que andam me chateando fazem isso com o danado, e a vontade se foi, dando lugar à falta de vontade de comer. Tanto que ao final do dia contabilizei 1 fatia de mamão, 1 banana, 1 sanduíche e um punhadinho de nada de Ruffles que o marido comprou (sentiram a colaboração da pessoa comigo né). Mas enfim, hoje acordei um pouco melhor (até porque, com consultas médicas marcadas, e exames, adiei minha volta ao trabalho para segunda-feira, vou voltar antes do término delas, mas o prognóstico é melhor), e decidi pôr a mão na massa.

Fiz um recheio tranquilo, levinho: misturei milho, tempero verde e queijo prato com uma colher de requeijão light pra dar uma "liga".



Os gyozas não ficaram aquela coisa linda que se vê no blog da Tati (aqui a postagem dos gyozas) e da Marisa, ficou meio decepcionante, digamos, rs. Um deles abriu no cozimento, aí o recheio deu uma leve espalhada, mas né, nada que não fosse contornado com um pouco de bom humor, rs. O marido estava todo desconfiado, ele acha isso comida de "fresco", morro de rir, mas ao menos inaugurei os hashis que comprei há uns 2 anos! Ele tornou a parte do comer uma palhaçada, pegou os "palitinhos" de cada jeito, é uma peste mesmo, rs. Mas deu tudo certo, ele gostou pra caramba e eu também. A aparência ficou meio lamentável a meu ver, mas isso porque eu tenho a mania de querer deixar tudo lindo e perfeito desde a primeira vez, e isso é incompatível com minha falta de jeito, não dá, rs. Vejam os danados:


Se clicarem na imagem fica bem melhor de ver, tá? Servi com molho shoyu e um pouquinho de tempero verde (salsinha e cebolinha) bem picadinho. Ficou muito gostoso mesmo. A receita da massa vocês encontram no blog da Marisa, aqui -> http://marisaono.com/delicia/?p=836 . O recheio é toda aquela coisa "sinta-se à vontade para ousar", você pode rechear com carne, legumes e o que mais seu estômago pedir no dia. Acho que se eu tivesse posto cream cheese ao invés de requeijão ficaria ainda melhor. Fica a dica. Eu até fiz algo pra acompanhar, mas gente, nem sei se precisa. Com esses dias de dieta e meu estômago estando meio com jeito de poucos amigos, comi só os gyozas e pronto, nem dava pra mais nada.

Bom, aconselho vocês a tentarem, fica bem bom e é fácil de fazer. Espero que o de vocês fique mais bonitinho, rs. Se alguém fizer, me conta que eu quero saber como ficou!

Beijão!

P.S. Inaugurei uma nova sessão de blogs amigos ali do ladinho. Tem o Minhas Gostosuras, que eu mega recomendo e o novo site Emagrecer Dietas, muito bom gente, tem receitas, dicas de saúde, vale o clique, corram!

23/02/2011

Dieta e banho de chuva

| |

Menos 4,900Kg. Esse foi o resultado de uma semana de dieta, sem deslizes, sem ceder às minhas vontades. E mais uma vez tive a prova de que força de vontade gera mais força de vontade. Passei vontade sim, até uma fominha rolou em uns dias. Mas agora a vontade de sair da linha é inversamente proporcional à vontade de continuar nesse ritmo gostoso. Mais disposição, pele melhor, uma aceitação maior de mim mesma e enfim, força de vontade.

Ontem a noite acabou tri ruim, fiquei tensa e nada de sono. Meus músculos doíam. Aí entrou em ação esse meu maridão que olha, pode até dar trabalho, mas nos meus piores momentos ele sabe ser o melhor: me fez cafuné, me deu braço (adoro, rs) e quando nada disso funcionou, me fez uma massagem nas pernas tão boa que eu dormi durante ela, e nem senti, tanto que relaxei, rs. Mas aí né, já eram umas 3h da manhã, acordei às 5: 30 e nada de dormir, fazer o que.

O dia esteve com uma cara estranha. Fui trabalhar, e justo hoje fizeram dois milhões de mudanças na minha rotina. Mudaram minha sala, ficou num lugar totalmente avesso, vai ser ruim pra caramba, metade do material numa sala e eu lá no outro lado do prédio. Mas nessas horas agradeço a Deus por ter uma boa capacidade de adaptação, sei que logo me adapto. Também vou ter uma companheira de setor, que será uma mão na roda. Sei que vou me dar bem com ela, ela chegou com uma carinha não muito boa, consequência de terem mexido com ela também, mas logo já estava sorrindo, isso é bacana sabe. Saber que, venha quem vier, eu vou me acertar com a pessoa, acho que o profissionalismo está acima de qualquer coisa, respeito então, nem se fala. É difícil mudar, mas vai ser bom. Nossa, quanta mudança em dois dias, pra mim já está de bom tamanho!

Aí o dia estava meio borocoxô, eu toda cheia de dor nas costas de arrastar armários, mesa, etc (sabem né, minhas costas são um caos, mas eu é que não ia fazer corpo mole), dor de cabeça, enjoada. Meu estômago parece ser o centro do meu mundo. É só algo sair dos trilhos que ele dá sinais e desanda, nem almocei hoje, fui comer uma banana lá pelas 17h. Mas aí, fui no supermercado só pegar um shoyu (que amanhã quero ver se faço uns gyozas, sei lá), e tomei AQUELE banho de chuva. Primeiro não estava gostando muito. Mas aí parei, ergui a cabeça, deixei a chuva escorrer no meu rosto (típica cena de filme, puxa vida, rs) e fiquei feliz. Assim sem dois milhões de motivos, mas sei lá, tudo ficou mais leve. Muito bom!


Beijo gente!

22/02/2011

Mudanças

| |
Foto: We Heart it (meu site favorito EVER)

"Assim como as estações, as pessoas têm a capacidade de mudar."

Hoje o dia começou estranho, de uma hora pra frente ficou ruim, e depois simplesmente se tornou indiferente. Como tantas outras coisas têm estado indiferentes. Comecei por acordar às 6h e não conseguir dormir. Nem eu, nem meu marido. Eu ainda teimei na cama até umas 7, 8h, quando o sono voltou, ele foi terminar um artigo que começou, e voltou lá pelas 9h pra cama. Férias é (são???) essa coisa estranha. Por mim ficaria em férias ad infinitum (como a Liz diz, rs).

Aí, vou ligar na UOL para recuperar minha senha e renovar o domínio do outro blog e foi uma ladainha. Já havia alterado meu endereço, e o cara não alterou coisa nenhuma, aí ficou aquele "climão maneiro" de eu dizer um endereço, aí o atendente dizer que o maldito não batia, então eu dizer o antigo e fica toda aquela coisa "atendente com o pé atrás" e talz. Ok, é pra nossa segurança né, i'm understand. MAS NÃO DEIXA DE SER UM SACO POR ISSO. Então abriu um chamado para me ligarem e REconfirmarem meus dados e eu é que não fiquei esperando ligação, cheinha de coisas pra fazer. Amanhã tento no-va-men-te.

Mas a parte que eu não gostei veio depois quando, em resumo, minha excelentíssima pessoa foi informada que terá de voltar a trabalhar amanhã, uns dias antes do final das férias, porque né, a gente trabalha sozinha com TRÊS SETORES, aí complica pra ser substituída e ninguém tem a obrigação de substituir o tempo integral das férias e enfim, cada um tá preocupado com o seu umbigo né, aproveitei o que deu e agora é isso, volta pra correria, sem saudade NENHUMA. Mas, enfim... Ces't la vie.

Aí o resto do dia foi uma ladainha, fiquei num mau humor do cão, aí melhorei e agora tô sem bom humor, nem mau humor, uma sem-salzice só. Aí que essa sou eu na maioria do tempo, e acho que todo mundo é assim também. Nada de especial.

Aí que, no final da noite (mais exatamente há alguns minutos), dei uma de doidinha e deletei meu Twitter. Após tipo... 3 anos. Twittando dia a dia, uma coisa assim, o número 200 e poucos no ranking dos que mais twittam (entre milhares de milhares no Brasil isso é uma boa colocação, rs), a tagarelice em forma de gente. Na verdade nem foi doideirinha, acho que foi a coisa mais certa que eu fiz em muito tempo. Nem foi pra fazer cena ou chamar atenção. Se eu tivesse simplesmente "dado um tempo" ele ainda estaria ali, disponível. E eu não quero mais ele disponível. E nem preciso disso também, tô aprendendo a me bastar em muitas coisas. Isso dá resistência emocional. Agora confesso que tá tipo, um sentimento confuso, deu uma tristezinha, aí uma sensaçãozinha boa e agora sei lá, tá tudo confuso. Mas a decisão nem foi confusa não. É como uma pessoa que tá doida pra fazer algo e com medo de se arrepender. Aí ela estufa o peito, vai lá e faz. Dê o que der. Mas não tem volta. SE eu voltar pro Twitter será com algo para os blogs, não quero mais aquela coisa pessoal. Mas ainda vai um BOM tempo pra isso. Tá tipo, uma tristezinha, ele era meu filho né, e tem muita gente legal que ficou lá, mas é o preço a se pagar. :(

Eu sou essa coisa tipo uma picanha, aquela capinha de gordura, mas toda mole por dentro. Acabo me envolvendo demais com as pessoas, aí espero demais, e aí vocês sabem o final da história né. Quero cuidar do meu coração que é como manteiga: quando você tira da geladeira é dura que um cacete. Mas deixa fora da geladeira um tempinho pra você ver,

Enfim, amanhã último dia da Dieta da Sopa, mas não o último dia dos hábitos que criei. Me senti tão melhor nesses dias, apesar de umas vontades de besteira que tive, que vejo que não vale a pena voltar pro ritmo anterior.

Enfim...

Um videozinho pra vocês:



Ouçam mesmo, hein? A letra com tradução, tá aqui:

P.S.: aos amigos do Twitter que vierem aqui, apenas leiam o que eu escrevi, não tentem adivinhar ou ler nas entrelinhas. Estou no Facebook, a maioria me tem lá e é isso. Não agi por ser uma sem coração e não fiquei me despedindo pra não prolongar, ok? Pensem nisso, não fiz nada por maldade, ou seja lá o que for. PENSEM BEM. A palavra proferida e a flecha, não podem ser paradas. Amo e vcs abem disso, acho que não preciso provar mais, né? Sempre demonstrei.

19/02/2011

Sobre tesouras e sopas

| |
Foto: site Toda Perfeita

Então, eu já falei aqui que há tempos corto meu próprio cabelo. Tudo começou da seguinte forma: depois de um tempo na cidade meu cabelo começou a implorar por uma tesoura. Como morar aqui era novidade pra mim, não conhecia nenhum salão. Ou melhor, nenhum salão que coubesse no meu bolso, claro. Porque os que eu conhecia eram muito caros. Aí fiquei me lembrando da última vez que cortei minhas madeixas. O cabelereiro fez um negócio super simples, que fiquei pensando se daria certo, mas que amei o resultado. Aí eu pensei: peraí, a técnica é super simples, porque eu mesma não faço? Como meu cabelo estava digno da Rapunzel pensei: na pior das hipóteses terei que dar um jeito num cabelereiro pra consertar a caca. Pesquisei na internet, e acabei me encorajando, vendo que outras pessoas fazem isso. Inclusive o blog Para Meninas e Mulheres acaba de publicar um post sobre o assunto com dicas para um "auto-corte" de cabelos, espiem AQUI.

Vejam como ficou:


Quem quiser ver melhor, só clicar na imagem que ela aumenta. Bom, é assim que gosto do meu cabelo: corte em camadas. E sim, meu cabelo é asim mesmo, so sequei com o secador. O danado é bonzinho, não fosse o fato de ser ralo no topo da cabeça, desgraça genética que meu pai me deixou e à qual já me conformei, seria a perfeição em forma de... fios. É super simples de fazer: depois de lavar, com os cabelos molhados, penteio todo o cabelo pra frente e prendo com um elástico, como um rabo-de-cavalo, um pouquinho acima da testa. Aí enrolo bem enroladinho e corto reto com a tesoura. Até a franja sai cortada. Quanto mais pra frente se penteia o cabelo, mais picadão ele fica, se cortar mais pra trás fica mais reto.

A tesoura tem que ser boa, e aconselho a tentar só quem tem cabelão, porque se errar o corte tem conserto, rs. Mas não acho complicado, acertei de primeira e olha que eu não sou a rainha da coordenação motora viu, hahahahaha!

Bom, e a Dieta da Sopa vai bem, obrigada. A berinjela mandou beijinhos pra vocês. Ela mandou dizer que estou hiper comportada e que ainda não cometi nenhum deslize, que eu passei a maior vontade ontem, mas que deu tudo certo e hoje já nem tô quase com fome, e comer frutas tá uma delícia. Ela também mandou eu me pesar só no final dos 7 dias pra ter um sustinho maior e parar de ser desesperada da vida, rs. Olhem que linda ela e as filhotas:

Foto: Site do chef  Ronaldo Rossi (receitas ótimas, hein)

Procurando essa imagem no tio Google, olhem que coisa mais linda que eu achei, quero pra mim:

Foto: Lojinha Lumali Presentes no Elo7 (cada coisa linda, babei!)

Bom, um feliz sábado pra vocês, beijocão!

18/02/2011

Tomando sopa!

| |

Eu, a guria avessa a dieta radicais, aderi a uma: a dieta da sopa. Depois de analisar o cardápio, me olhar no espelho e ter vontade de sumir, decidi testar minha força de vontade nessa dieta para conseguir um efeito rápido e me animar para prosseguir depois.

O primeiro dia foi bem tranquilo pra mim. Meu fraco, definitivamente, são os doces, mas como as frutas estavam liberadas, uma fruta docinha aliviava a "tensão". Hoje pela manhã me pesei, e já havia perdido 800g. Isso me deu forças para continuar. Hoje o dia está mais complicado: estão liberados legumes e verduras à vontade. Cadê meu docinho? Tô sofrendo gente! Hahahahahaha! Mas tudo bem. Foi uma tortura ir ao supermercado comprar pão para o marido e passar pela gôndolas perto do caixa cheias de doces e biscoitos, mas... Me olhar no espelho foi bem pior, então passei por essa também.

Amanhã frutas liberadas novamente e eu alivio minha vontade de doces mais uma vez e tudo volta a ficar mais leve, rs...

Quem quiser o cardápio dessa doideirinha, para dar uma desintoxicada e perder um pesinho rápido, está no menu superior, onde diz DIETA. Clica lá e espia.

Ah, não senti fraqueza nenhuma, nem nada do gênero, mas também, estou de férias, não fiz quase nada mesmo, rs.

O Projeto #365 está atrasado, não sei se coloco em dia (pode?), se pulo uns dias pra ficar mais séria a coisa, ou se paro com ele. Opiniões? Gô?

Beijinhos galera, me desejem força, tá complicadinho, rs...

17/02/2011

A utopia vista na televisão - Câncer de Mama

| |
Foto: Estafermo

Quem já ouviu o monte de campanhas feitas pelo câncer de mama ou câncer de colo uterino já sabe de tudo o que se passa no país. O câncer é uma doença silenciosa que vem atacando a cada dia mais pessoas. E atire a primeira pedra quem não tem sequer um parente/conhecido que não tenha ido a óbito graças ao câncer. Triste realidade.

Mas agora não é a hora em que eu vou falar tudo aquilo que vocês estão cansadas de ouvir. Vou falar do que EU estou passando graças a isso. Não, eu não estou doente. Minha sogra está em processo de dignóstico de um possível câncer de mama, e duas de suas irmãs já perderam um seio graças à ele.

Ambas a irmãs dela descobriram o câncer já em estado avançado e perderam suas mamas. Uma delas, que conheço mais, está em pleno tratamento, entre quimioterapias e outros tratamentos para tentar redimir a doença. E aí começou a saga. A consulta inicial, a descoberta do caroço, o encaminhamento ao CACON (Centro de Alta Complexidade em Oncologia) de Ijuí/RS. A equipe do CACON está de parabéns, ultimamente tenho sido presença constante por lá e vejo como o trabalho progride rapidamente, sem morosidades desnecessárias. Bom, QUASE sem. Do diagnóstico à indicação para a cirurgia tudo foi rápido. Mas, ainda que sendo um câncer bastante agressivo e avançado, a tia do meu marido deveria entrar numa fila de espera que previa a crurgia para dali a 3, 4 meses. Para câncer, todos sabem, 4 meses podem ser a janela para a vida. Ou para a morte. Ou, logicamente, ela disporia de R$6.000,00 reais para a cirurgia e outros $$ para UTI, internação, etc. Ou seja: faz-se campanhas mil, mas na hora do "vamos ver" ainda há muito o que se fazer. Quando se depende do SUS, é um Deus-nos-acuda danado e salva-se primeiro quem tem dinheiro na mão.

Sei que há males que vêm para o bem, e disso não tenho dúvidas. Graças a essa situação com suas irmãs, minha sogra enfim decidiu fazer uma consulta. E é aí que começam algumas dicas gente.

- No auto-exame ela não sentiu NADA. Portanto, apenas o auto-exame das mamas não é o suficiente para um disgnóstico.
- Na mamografia não apareceu NADA. Faça sempre a mamografia e, caso tenha casos de câncer na família, vá além.
- O caroço só pôde ser visto na Ecografia. Eis uma maneira um pouco mais segura de se ter certeza de algum diagnóstico. A mamografia não visualiza bem caroços em mamas densas (palavras da oncologista), por isso a necessidade de uma ecografia.

Então, descuidar da saúde é um luxo ao qual não podemos nos dar. Quais as principais causas de câncer? Fatores externos somam 80 a 90% das causas de câncer: fumo, álcool, drogas, exposição a agentes químicos, stress, alimentação inadequada, etc. Os agentes internos, ou seja, genéticos, são responsáveis por apenas 10 a 20% dos casos. Ou seja: antes de pôr a culpa nos casos de câncer de sua família, e dizer que não há o que fazer, dê uma espiada no seu estilo de vida, seu prato, seus hábitos.

Já ouvi pessoa dizerem: "Meu pai fumou a vida toda e não morreu de câncer". "Meu tio era um bêbado inveterado e nunca teve nada." Opiniões, me perdoem o termo, TOTALMENTE IMBECIS, IDIOTAS E INFUNDADAS. Desculpites de quem prefere fazer o que der na telha a cuidar de sua saúde.

Como diminuir suas chances de ter um câncer (e a de seus filhos também):
  • Ingerir água filtrada ou fervida em boa quantidade
  • Inserir frutas, verduras e legumes em boa quantidade no seu cardápio
  • Diminuir o consumo de carnes, enlatados e embutidos (carnes podem ser substituídas muito bem por outras proteínas, como ovos, leite, queijo, soja, castanhas, podendo diminuir sua quantidade na alimentação diária)
  • Manter um peso saudável
  • Diminuir gorduras, frituras e doces
  • Fazer atividade física
  • Ter momentos diários de lazer, a fim de diminuir o stress
São coisas simples, mas que muitos de nós deixam de fazer por preguiça. Porque, falta de tempo atrapalha, mas não impede.

Andando pela internet encontrei o blog VidAnormal que contém o depoimento da Carolina, mãe da Ana Luiza, uma garotinha linda de 7 anos, que, após anos sem ter sequer uma gripe ou febre, foi diagnosticada com um agressivo tipo de câncer cerebral, o rabdomiossarcoma (que tem incidência de cura de apenas 20%), com metástases nos pulmões, perna, medula e em algumas vértebras. A pequenina ainda está em tratamento, conseguiu vencer as metástases e, no mês passado se submeteu à cirurgia para retirada do tumor, com sucesso. Que tal dar uma passadinha lá para espiar esta história emocionante e, de quebra, dar alguma forcinha?


Mais informações sobre o câncer, como tipos, estatísticas, etc, espiem o site do INCA (Instituto Nacional de Câncer) - http://www2.inca.gov.br/wps/wcm/connect/inca/portal/home


Beijos.

16/02/2011

Joga no Google!

| |
A viagem foi um sucesso e um incômodo! Sucesso porque agarrei muito minha mãe e irmãzinha. Um incômodo porque a blazer do sogro deu problema, voltamos com um dia de atraso e eles tiveram um prejuízo "básico" de mais de R$1.200,00. Mesmo não saindo do meu bolso, essa doeu, afinal de contas meu umbigo não é o centro do mundo né. Sei que, durante o conserto da caminhoneta, joguei no Google as peças que necessitariam ser trocadas e não errei muito feio na quetão dos peços. Antes tivesse errado pra mais né.

Falando em Google, viram que ele está de carinha nova hoje?

O desenho é resultado da competição Doodle4Google, um concurso infanto-juvenil de desenho. Aqui -> http://www.google.com.br/doodle4google/vote.html vocês poderão ver os 36 semifinalistas do concurso, e poderão votar no seu preferido para ganhar uma bolsa de estudos no valor de R$30 mil, e sua escola receberá uma Sala Google. ;)

Ah, e meu projeto #365 atrasou legal, esqueci de levar a digital (marido tbm esqueceu), acabou a bateria do celular e não levei carregador, e ainda consegui perder umas fotos dele, ô belezura.

Ontem acompanhei minha sogra na biópsia do caroço que apareceu no seio dela. Correu tudo bem, resultados só dia 10 de março, quando foi marcada nova consulta com a oncologista do CACON (Centro de Alta Complexidade em Oncologia). Tenho algumas considerações a fazer a repeito da questão do câncer, mas isso fica para um próximo post.


Beijos!



11/02/2011

Scrapbook

| |
Pois é, vocês já prceberam que eu ando com o bicho carpinteiro né? Entao, ainda ando "artesanateando" aqui e ali e aprendendo a fazer scrapbook digital (enquanto o $$ tá curto para começar o de verdadinha). Por hora, são tantos kits lindos, que eu ainda estou aprendendo a não encher a tela de elementos. Não está funcionando muito, mas uma hora eu aprendo, rs... Por hora, seguem alguns exemplos de coisas que criei ontem e hoje.




Uma hora os L.O.'s vão ficar mais decentes, rs...

Estou na casa da mamis (pai viajando), então não devo postar mais essa semana, nos vemos semana que vem!


Beijinhos!

10/02/2011

4 coisas

| |
Gente, achei esse meme tão bacaninha! Mais um meme da Manu, claro, kkkkk!



4 coisas na minha bolsa:
  1. Carteira
  2. Celular
  3. Pen drive
  4. Óculos (de grau de de sol)

4 coisas na minha mesa de trabalho:
  1. Computador
  2. Pilha de processos
  3. Livros de registro (atas, correspondências,etc)
  4. Brinquedinho de Kinder Ovo que está lá há quase um ano, rs.

4 coisas favoritas no meu quarto:
  1. Cama
  2. Notebook
  3. Criado mudo cheio de livros e revistas
  4. Ventilador (caloooor, rs)

4 coisas que estou curtindo muito no momento:
  1. The Legend of Zelda - Ocarina of Time (joguinho do Nintendo 64)
  2. Artesanato
  3. Férias
  4. Seriado House M.D.

4 músicas que não consigo tirar da cabeça:
  1. I never forget you, The Noisettes
  2. It must have been love, Roxette (montei uma playlist, agora sim, rs)
  3. Gold Digger, do Kanye West, na versão de Glee
  4. I get knocked down!, Smash Mouth (parecem músicas de adolescente né, rs)

Bom, quem quiser fazer, sinta-se à vontade, eu gosto de fazer isso, pois acabo pensando no meu dia-a-dia, é tri, rs...

08/02/2011

Do oncologista ao saldão de livros

| |
O título já dá uma palhinha do dia, né? Então, ontem minha sogra pediu que eu a acompanhasse em uma consulta com uma oncologista/mastologista em Ijuí. Lógico que eu fui, jamais me negaria a isso. Então, acordamos cedinho e lá fomos, ela, sogro, marido e eu. Marido e sogro foram em outro lugar e sogra e eu fomos na consulta. Ela quis que eu a acompanhasse inclusive na consulta em si, achei que eu ficaria na sala de espera. Mas foi bom, porque aí eu fico por dentro de tudo.


Aí começamos as fotos do dia. Essa é do celular, então não está tão nítido, mas acredito que dê para ler. O bom é ver a força dela. Claro, ainda não se sabe se é câncer mesmo, e pelo SUS gente, QUE NO-VE-LA pra fazer qualquer coisa, valha-me! Agradeço nessas horas pelo meu plano de saúde, que não é lá essas coisas, mas né... Então, ela veio e voltou rindo, brincou com a oncologista e tudo, e sei que é sincero, porque a mulher tem lá seus defeitos, mas é a transparência em pessoa.

Aí, depois da consulta, marcamos a biópsia para semana que vem (e aí a ladainha de quase um mês para ficar pronto né). Então, resolvemos dar uma passeada pelo centro comercial da cidade. Entra aqui, espia ali, achamos uma livraria muito bacana. Entre os enfeites de carnaval, perucas e afins, me diverti, rs...


Ai, eu babei nessa peruca gente, rs... Claro, essa era a de demonstração, toda desgranhada coitada, mas as que estavam no balcão, todas lindas, gamei numa lilás e nessa rosa, rs. Ah, na black power também, lógico, rs. E continuamos andando, aí encontro um balcão anunciando um saldão de livros. Eu adoro saldões (pobreza bate e volta) e mais ainda livros, fui espiar pra ver se tinha algo que preste perdido no meio. GENTE! Murri com uns que achei e me amei por ter paciência de fuçar, hahahaha! Vejam os mais novos bebês lindos de mamãe:


Gente, o precinho camarada? R$3,00 CADA. Morri de felicidade, rs. Depois que eu ler, conto pra vocês se são bons, mas acho que são sim! Aí, em mais um passeio dessa tarde, antes da churrascaria (vira pro lado e disfarça), fomos em uma outra livraria maravilhosa, mas ali os livros e tudo o mais etavam em seu preço normal, ou seja, fiquei só olhando, rs... Me apaixonei por essa bonequinha gente!


Não é a coisa mais linda e malvada do mundo? Quero muito! E fico só querendo...

Bom, acho que o dia se resumiu a isso, porque dormi mal pacas à noite e descontei dormindo à tarde, aí quero ver que hora vou conseguir pegar no sono agora, e vamos que vamos ao círculo vicioso.

Beijocão.

Sorteio - Tecidos de Dubai

| |
Aí que vocês sabem queminha ilustre pessoa tirou as férias para aprender a fazer duzentas mil coisas, certo? Então, tem esse sorteio de um kit de tecidos diretinho de Dubai, com uns botõezinhos forrados que sasinhora, quero todos! Mas eu não sou egoísta, e joguem gurias! Olhem os tecidinhos! *Ü*


Tudo lindo de morrer, né gente? Ó o link, CORRAM!



Bjim, vamo lá!

07/02/2011

Semana novinha e layout também!

| |


Passei o final de semana inteirinho fuçando em layouts de blogs. Fiz 3 no total. Dois para meus blogs principais, esse aqui e o "Vou casar, e agora?". Agora ACHO que sossego. Ainda farei algumas alteraçõezinhas, mas nada grande e que faça diferença, a estrutura por hora é essa. 

O final de semana não foi mais preguiçoso porque não foi maior! Dormi MUITO gente do céu, isso não é normal! Mas foi delicioso, rs. Ontem esqueci de postar a foto do Projeto #365, mas ela foi tirada, aguardemos, rs. Lá por quarta ou quinta-feira vou para casa dos papis passar uns diazinhos, até o FDS, matar um tequinho da saudade.

Por hoje sem muitas novidades, vou visitar vocês e dar um rolé pela nets.

Beijocão povo!

FUIZ...

05/02/2011

Noite mal dormida e um coração de tecido.

| |

Tirei a semana pra faxinar a casa. Sabe quando você resolve tirar fora tudo o que não serve mais, o que não é usado, ou o que sobra? Sim, isso que eu fiz. Até não saiu tanto bagulho quanto pensei que sairia. Mas foi cansativo, minha rinite e eu NÃO agradecemos, rs.

A semana ficou nessa da faxinas e descansos e o caderno que estou fazendo à mão (desde o costurar as folhas uma na outra, te mete, rs) pra uma amiga queridona, não saiu do chão. Eu precisava da bendita cola pano, e me enrolei para comprar. No dia em que desenrolei, fiz a fiasqueira de sair sem o cartão do banco para pegar grana, e aí quem sai em cima da hora da loja fechar tem mais é que se ferrar né. Mas ontem comprei o bagulhinho e hoje dou uns "finalmentes" no caderno, aí mostro pra vocês. Acabei fazendo esse coraçãozinho da foto, até que ficou legal. Fiz uma outra coisinha, mas ficou um fiasco, portanto, sem fotos, rs (aqui só trabalhamos com fotos de sucesso, kkkk).

Ontem foi um dia todo amarrado. Sogros queriam porque queriam viajar, e queriam que fôssemos com eles, mas o marido é xarope pra viajar e não se acertaram no "itinerário" e lá foram eles, e cá ficamos nós, cuidando da casa deles. Tudo assim de última hora. Mas aí a noite virou um caos! Acostumados com apartamento, aquela coisa silenciosa, segura, e blá-blá-blá, quem disse que conseguimos dormir direito? Eles têm duas cadelas, um pastor alemão e a outra é uma vira-lata sem vergonha. Só que a vira-lata, vulgo Princesa, passou de folia a noite toda, latia, corria e o marido achava que poderia ser ladrão, e saía e olhava e nada. Outro problema (pobre é triste viu? kkk) foi o ar condicionado. Bom, não temos condicionador de ar em casa, só o bom e velho ventilador. O ventilador faz aquele barulho constante, que quase dá sono. O condicionador de ar do sogros liga, resfria até a temperatura X, desliga, quando sobe a temperatura liga novamente. Toda essa coisa que condicionadores de ar fazem. E aí que eu acordava a cada liga/desliga. Acordei só o pó hoje. Vim para casa, capotei na cama, cochilei e tô aqui, me debulhando de sono!

Enfim, vamos ver se o FDS se emenda até amanhã né.


Bjim!