30/03/2011

... meaningless ...

| |
Photo: Azchael

É complicado de dizer sem ser mal interpretada. Mas sei lá, minha vida não tem sentido. Não seria bem a vida como um todo, é difícil de explicar, às vezes ate de entender.

O trabalho não me traz problemas. Mas não me traz satisfação. Não estou feliz comigo mesma, com meu corpo, minha aparência. A única parte realmente boa é meu casamento. Mas não acho que o casamento deva ser a única coisa que faz sentido na vida de alguém. O casamento é algo que nos sustenta, nos dá forças (o casamento não, na realidade o parceiro né), nos ergue quando parece que vamos cair, nos leva às nuvens. Mas e o resto? E os projetos pessoais?

Aí é que está: não tenho grandes projetos pessoais. Não encontrei algo que eu goste REALMENTE de fazer. Apensa coisas que eu "acho" que gosto e que, no final das contas, não me trazem certeza suficiente para investir.

Sempre me deixei levar pela maré. Agora insônia toma conta, arrumar a casa é algo que faço por obrigação mesmo e porque não sou porca né, rs... As unhas estão cortadinhas, aparadinhas, lixadinhas, mas não vêem um esmalte há umas duas semanas. Ah, dizer para mudar e ter forças é fácil. Fazer é que são elas.

Estou ficando cada vez mais calada, tanto que duvido alguém acreditar que já fui a palhaça da turma e a criatura mais conversadeira da face da terra. Não é uma tristeza (mas sim, às vezes ela vem con tudo), é mais uma falta de vontade extrema, de tudo, de sair, de ver gente...

Acho que está na hora de eu achar meu lugar no mundo. Crise existencial, ela existe. Aos 28 anos.

Bom, para finalizar um vídeozinho MUITO fofo, meigo lindo, delicioso, acalentador, não deixem de ver.




Um beijo pra vocês.

27/03/2011

Fazendo ovos sem gordura!

| |
Sempre adorei omeletes. Ovo frito. Difícil encontrar quem não goste. O problema é que fritura, além de engordar, traz aquele monte de problemas para a saúde que todos sabemos de cor. Fazem anos já (legal poder enfim dizer isso, rs) que venho diminuindo frituras e sal na minha alimentação. Fritura é mais fácil, diminuir o sal já é um processo mais lento que exige paciência até o paladar ir se adaptando. O negócio é caprichar nos temperos. Enfim, divaguei, vamos voltar ao tema, rs. Então, para evitar fritura eu acabava sempre na mesma coisa: ovo cozido. É bom, eu gosto, mas sempre o mesmo jeito vai desanimando, rs.

Aí que lendo o blog Manga com Pimenta, encontrei uma receitinha de ovo pochè. Taí uma coisa que eu já havia ouvido falar, mas nunca rolou aquele interesse em ver exatamente como era feito. O bacana é que a Nana (dona do blog) divulgou um video que ensina direitinho como fazer. Para quem não sabe, o ovo pochè é um ovo "frito" em água. Ou seja: nadinha de fritura. E gente, fica uma delícia. Fiz e acertei de primeira. Sorte de principiante, r... Vejam a foto do bonitinho:


Quem quiser a receita direitinho, vai ali no Manga com Pimenta e espia, não tem erro: http://toma.ai/r05. Ele fica gostosinho, molinho (é bom cozinhar bastante se não gostar de gema mole, eu não gosto então não economizo no cozimento, rs), saboroso. Super cara e gosto de ovo frito, mas sem duplicar as calorias por conta do óleo!

Outra maneira legal de fazer um ovo assim, sem usar fritura é prapará-lo no micro-ondas. Há várias maneiras de se fazer. Você pode fazê-lo simples, só com sal. Ou misturar algumas coisinhas e fazer um omelete. Tudo tranquilo. Tenho esse recipiente, que nem desconfio como se chama, que comprei em uma lojinha de R$1,00 (aqui no RS não existem mais lojinhas de R$1,99, temos as de R$1,00 adoro, rs), e olha, é ótimo e exclusivo para ir ao micro.

O tempo de preparo vai depender da potência do seu micro-ondas. O meu é um Electrolux, e é super potente (tanto que uma vez segui o tempo de uma receita que vi na internet, de bombocado pra micro, e acabei torrando tudo, quebrando o recipiente e quase incendiando a casa, kkkkk), então no meu o ovo fica prontinho em 1 minuto na potência máxima. No micro-ondas o ovo fica mais sequinho, mas fica delicioso.

Então, acho que agora já é possível variar o preparo de ovo e omelete sem precisar recorrer ao óleo, hein?

Beijos pessoal!

24/03/2011

24 de março

| |

Acontecimentos relevantes do dia 24 de março:


  • Robert Koch anuncia a descoberta da bactéria responsável pela tuberculose;
  • A Grécia torna-se uma república;
  • A banda Pink Floyd lança o álbum Dark Side of the Moon;
  • Ayrton Senna vence pela primeira vez o Grande Prêmio do Brasil de Fórmula 1;
  • Nasce Fanny Crosby, compositora e poetisa americana, que nasceu cega;
  • Nasce Edouard Claparède, neurologista e psicólogo suíço;
  • Nasce Joseph Barbera, cartunista americano (quem lembra da equipe Hanna-Barbera, dos desenhos animados Família Adams, Corrida Maluca e outros?);
  • Morre Julio Verne, o pai da ficção moderna;

E também, nesse dia, nascia meu marido lindo, meu companheiro, aquele que me trata como uma princesa, e me faz feliz a cada dia. Nem vou falar muito mais não, porque melosidade é comigo mesmo, rs...


Artista plástico, formado em Pintura pela Escola de Belas Artes da UFRJ, é meu orgulho! Desejo pra ti meu bem, meu marido, meu confidente, meu melhor amigo, toda a felicidade do mundo.

E não reclama de eu pôr tua foto, não vou tirar!

Um beijo também pra Manu, que faz aniversário no mesmo dia que meu marideichons!

Bom, eu sei que o blog tá meio largadinho, mas calma, já volto com ele direitinho, a semana tá meio cansativa e a criatividade vai a zero!

Beijos!

13/03/2011

Receitinha Inventadinha

| |
Aqui em casa tem pão desde antes do acampamento. Minha sogra comprou uma "chapa" dessas para fazer X-Burguer, e coisas do tipo. Aí compramos pãezinhos de hamburguer e talz e sobrou. E foram ficando os benditos, mas deixei na geladeira para não embolorar. Então fiquei pensando no que fazer com os benditos. Também vi que o maço de brócolis que comprei na quarta-feira ainda estava murchando na geladeira. Aí pensei: isso pode dar algo! E não é que deu gente? Querem saber o que?


Olha galera, tirei o chapéu para mim mesma, e marido também, rs. Já aproveitei e estreiei meus ramequins que comprei em Ijuí depois de ter passado semanas procurando por aqui e não achar UMA ÚNICA pessoa que soubesse o que era ramequim, e nenhum lugar que tivesse os benditos, ainda que chamados por outro nome. Enfim, querem receitinha?

Se alguém tiver sugestão de nome pra issae, ajuda eu! Hahahaha!

Ingredientes
  • Pães amanhecidos e duros
  • 1/2 xíc. de leite
  • 01 maço de brócolis cozido
  • 01 tomate sem sementes picado
  • 1/2 xíc. de milho verde em conserva
  • Fatias de queijo prato (ou outro de sua preferência)
  • 150g de cream cheese light
  • Temperos a gosto
  • Sal a gosto
  • Azeite de oliva
Peguei os pãezinhos de hamburger, tirei a casca (e os respectivos gergelins) e cortei em fatias finas. Num prato fundo, pus o leite e uma pitada de sal. Umedeci as fatias de pão e, num prato raso, amassei-as com os dedos (se você for fresca(o) pode usar rolo de macarrão, ok, rs). Com cuidado pra não esculhambar tudo, tirei as fatias e fui forrando os ramequins. É melhor fazer o processo fatia a fatia meu bem, senão dá bagunça. Ficou assim ó:

Aí fiz uma misturinha linda (e gostosa) com o brócolis, tomatinho, milho verde e cream cheese. Temperei com um mix de pimenta, coentro, orégano, louro, cominho, manjerona e mais alguma coisa que nem lembro. Não pus sal, o cream cheese já tem e ando diminuindo o sódio por aqui.


Por cima, queijinho rasgado (porque a fatia aberta era meio grande pro ramequim), reguei com azeite de oliva (usei o extra-virgem) e orégano pra ficar aquela coisa beeem delícia.


Aí né, forninho, 220ºC até derreter o queijo e começar a dourar o cantinho do pão e...


Fala sério, delícia, virei os olhinhos com isso aí e sem (muito) peso na conciência!

Então, se quiser deixar mais light, só usar pão light ou integral, trocar o queijo prato por algum branco (minas, ricota light, etc) e pronto. O resto é tranquilo.

Beijos meu povo, amanhã passo na casinha de vocês!

09/03/2011

Fuga do Carnaval - Perfeita!

| |
Eis que estou de volta. Cansada, com mala que ainda não consegui (nem tive paciência) de desarrumar, muitas roupas sujas na máquina sendo lavadas gradativa e lentamente... Mas olha, foi MUITO BOM. Fui para uma área de Camping em Sta Bárbara do Sul - RS, onde acampam centenas de pessoas todos os anos nesse período. Gente que, como eu, não curte Carnaval e quer mais é ficar longe da bagunça toda. Mas não é algo desorganizado, ou uma área de Camping comum. Temos programações religiosas, gincanas, esporte, muita conversa... Bom demais... Essa foi minha "casinha" de sexta a terça-feira:


Não reparem a desarrumação das toalhas, não prestei atenção à esse detalhe, hahahaha! Como uma pessoa espaçosa que sou, tenho essa barraca, modelo "iglu" (vão por mim, é a melhor, durabilidade alta, muito fácil de montar e prática), para 5 pessoas há uns 4 anos. Na época de solteira ficava nela muitas vezes sozinha, coisa mais boa! O bom é que dá para ficar em pé, então não é preciso ficar se torcendo toda para mudar de roupa, rs... Vejam lá dentro o colchão inflável. Tenho também há uns 4 anos, e abençoado seja o inventor do colchão inflável, gente do céu, quanta praticidade e conforto! A lona que fica embaixo da barraca é para evitar que ela umedeça ou molhe em caso de chuva. Todas as barracas dizem vir com chão impermeável e talz, mas olha, eu prefiro a garantia de uma lona bem arrumada porque sei que não é bem assim não, rs. Não havia lona por cima porque dessa vez não choveu. Um milagre, já que acampo nesse mesmo lugar há uns 10 anos e NUNCA havia pego um acampamento todo sem chuva. Uma delícia!

Não fossem as formigas cortadeiras que comera um pedaço do tamanho de uma mão aberta do chão da barraca e tudo estaria perfeito! Malditas cortadeiras, eita bichinho destruidor. Mas nada que um belo (e grande) remendo não resolva.

O povo se puxou valendo na gincana. Dividiram as equipe por cores, e de acordo com as regiões (cidades agrupadas). Nossa região ficou com a cor verde. Aí, em um belo dia, dou uma cochilada lá pelas 8, 9h (no acamps amores, 7h e pouco da matina tá todo mundo em pézito!) e quando levanto dou de cara com meu marido pintado de verde da cabeça aos pés, com uma peruca listrada de preto e verde, sem explicação! Nada como torcida organizada, hahaha! Faltaram fotos, mas vou ver se consigo o vídeo-reumo do acamps com meu sogro, posto no YouTube e mostro aqui.

Olha, sei que foi bom demais, toda a família do meu marido estava lá, minha sobrinha Lauren, então foi muita folia, descanso e diversão nesse tempo todo. Uma pena ter acabado, rs... Vejam algumas fotos:

Lauren perto da piscina natural.

Área do Camping. Ficamos no bosque ao lado esquerdo.

"Kit" de acampamento do marido, rs: buzina, neve artificial, party popper, bombinhas, aranha, rã, rato de brinquedo, etc, etc, rs...

A Laurenzinha fez uma visitinha na barraca e deixou ele, rs.

Marido com Lauren, na maior folia.

Espero que o feriadão de vocês tenha sido bom!


Beijos!

03/03/2011

Sono...

| |


Tô escrevendo cheia de sono. O últimos dias têm sido cansativos, muito corridos, mas bem bons. Tenho me empenhado bastante no blog do casamento, por isso fiquei um pouquinho sem postar aqui e por não ter muito o que falar. 

Mudei de uma sala onde ficava sozinha para uma sala com mais 6 pessoas, e estou adorando. Minha nova colega de setor é uma graça, apesar de muitos não acharem. Tenho uma atração irresistível por pesoas ditas difíceis. Elas me encantam. Vai saber porque né. Já avisei ela que agora ela é minha e não tiram mais ela do meu setor. :)

Amanhã estarei indo para meu retiro anual em Santa Bárbara do Sul. Meio do mato, mosquito e beeeem longe do Carnaval. Sei que muitos gostam e talz, mas taí uma coisa que não faz mesmo meu tipo. Vou pra bem longe e só volto na terça à tarde.

Até lá amores!

Beijos.