24/04/2011

Nasce uma tradição - Fazendo ovos de chocolate

| |
Imagem: Famess

Como eu disse, no post anterior, neste ano meu marido e eu decidimos fazer os ovos de chocolate que daríamos de presente para nossa família. Inicialmente esse era apenas um plano, passível de cancelamento, já que eu nunca havia feita nada com chocolate e sempre achei o processo meio complicado. Aí num belo dia decidimos fazer um teste. Compramos umas drágeas de chocolate para derreter, uma fôrma em formato de ovo e fizemos o teste. DEU SUPER CERTO. O ovo ficou brilhoso, bonito, espessura perfeita! Então decidimos investir.

Foi aí que tivemos uma outra idéia: na véspera da Páscoa, cada um faria o ovo de chocolate do outro. Um não deveria ver o que o outro faria e, na manhã de domingo, faríamos a troca de ovos. E foi tão divertido que decidimos instituir isso como ritual todos os anos! Ele foi mais caprichoso no recheio, enquanto eu recheei com jujubas, ele recheou com doces e... bilhetinhos! Achei tão lindo gente, babei no maridão, hahaha!

Sou daquelas que gosta de presentes simples e que acha o máximo tudo o que é feito pelas próprias mãos. Me parece tão delicado saber que alguém separou um momento só para fazer algo para mim! E é esse sentimento que espero que as pessoas que presenteamos tenham tido.

Agora, vou ensinar o passo-a-passo do ovo de chocolate, e fiquem ligados: é mais fácil do que você imagina! Lembrando que todas as fotos ampliam quando você clica sobre elas.

Vamos lá!

Primeiramente você vai precisar de um bom chocolate para derreter. Recomendo as marcas Mavalério e Harald, que têm boa consistência e são gostosos!  Lembrando que aquelas barras de chocolate de 1Kg da Lacta e outros, que dizem "cobertura" NÃO SERVEM para se fazer ovos de chocolate, pois ao derreter elas perdem a consistência e, depois de pronto o ovo, ele derrete muito facilmente. Falo por experiência própria de uma barra da Lacta que tá ali na geladeira, rs... Pessoal, a Danny, do blog Danny Make Up, deu uma dica: o chocolate que usei é o fracionado, que não precisa de temperagem, por isso é mais fácil de fazer. As barras Lacta, etc, precisam passar pelo processo de temperagem. Encontrei esse vídeo ensinando como fazer:





Então, vamos ver do que você irá precisar:


  • Drágeas de chocolate para derreter (ou, se você usar barra, raspas de chocolate) branco ou ao leite, conforme sua preferência. Eu usei ambos.
  • Uma lata de brigadeiro. Usei o Mococa, que ganhei recentemente em um sortreio, depois falo mais sobre ele.
  • Uma caixa de creme de leite. Também usei Mococa.
  • Fôrma para ovo de chocolate, usei a que rende um ovo de 250g mais ou menos.
Agora, prosseguindo:


Preferi usar essa forma, pois vi em um tutorial no YouTube e achei prática demais. Ela vem em 3 partes. Uma delas, onde você põe o chocolate vem com uma linha indicando a quantidade de chocolate que você deve pôr. A outra parte é de silicone e facilita na hora de modelar a espessura do chocolate sem que esse grude na terceira parte, que é a que firma e define, limitando a espessura do ovo e deixando ele lisinho.


Separe uma porção de chocolate. Vai depender do tamanho da sua forma. A minha é para ovo de 250g, então usei tipo... 1 xícara e meia de drágeas. É suficiente. Evite fazer mais do que você vai usar, porque se você precisar derreter novamente o chocolate vai perdendo a consistência a cada novo derretimento.


Eu uso o micro-ondas para derreter. O tempo vai depender da potência do seu micro. O meu é SUPER potente, rs... Também vai depender da espessura do vidro do refratário que você vai usar. O que eu usei para fazer outros ovos era mais grosso e nele ponho 1 minuto para o primeiro derretimento (no micro não se derrete tudo de uma vez, senão o chocolate queima). Esse aí da foto é mais fino, então quase queimei o chocolate, hahahahaha! O ideal, para evitar problemas é aquecer de 40 em 40 segundos, vão por mim, rs...


Na primeira leva ao micro, ao tirar você verá que eles estão meio inteiros, mas é só mexer que verá que estão semi derretidos. Mexa e leve mais uma vez ao micro. Ele ficará como na foto da direita. Esse aí ficou meio empelotadinho porque, como eu disse, quase queimou, rs... Mas no final o resultado é o mesmo. Normalmente na segunda leva ao micro ele já derreteu todinho. Mexa com a colher até que dê uma esfriada.

Se você não tem micro-ondas: use o banho maria, numa panela alta para evitar que o vapor da água entre em contato com o chocolate, até que ele derreta, mexendo sempre.

Então, você irá despejar, em colheradas, o chocolate na fôrma. Observe como usar essa fôrma:

  1. Observe a marca vincada na fôrma;
  2. Encha de chocolate até essa marca;
  3. Por cima, solte a parte de silicone;
  4. Então, sobreponha a terceira parte da fôrma;
  5. Pressione até que se encaixem. O chocolate subirá até a borda. Se sobrar ele sairá pelos lados. Não tem problema, depois de seco, ele se quebra facilmente.
  6. Vire a fôrma de cabeça para baixo e leve à geladeira.
O tempo de geladeira depende da temperatura de regulagem da sua geladeira. Deixe a fôrma nela, na horizontal, até que fique esbranquiçada, o que significa que o chocolate endureceu e se desprendeu da fôrma. Assim:


Nesse momento o chocolate se desprenderá facilmente. Então é só "descolar" a parte de silicone, delicadamente para não deformá-la e pronto!

Esse é o processo para um ovo de chocolate ao leite simples. Como fiz vários chocolates, fiz também vários testes de misturinhas que ficaram muito legais, vejam só:


É só misturar confeitos coloridos, granulados coloridos, choco power, enfim, o que sua imaginação mandar. É só misturar na hora de esfriar o chocolate. Para a segunda metade do ovo, usei esses granulados coloridos:


Tudo bem, nem todo homem curte algo rosa no chocolate né, hahahahaha! Mas ele fica discreto no final, vejam:


O bom é que fica crocante! Agora, o "diferencial" desse ovo: o recheio. Decidi fazer uma metade "oca" e a outra metade recheada de ganache de brigadeiro. Você pode fazer brigadeiro de panela, ou usar em latinha. Aí chega a hora em que recomendo o brigadeiro (aqui no RS chamamos de negrinho, e mais especificamente aqui em Sto Ângelo, o povo chama de negrito) em lata da Mococa. Já provei de todos os tipos e achei esse o mais suave! Não é enjoativo, arrepunante, forte demais. Aí, só misturar com creme de leite. Para essa metade, de um ovo deste tamanho, usei 2 colheres de sopa BEM cheias de brigadeiro e 3 colheres (porque não dá pra encher demais) de creme de leite. Se você quiser uma trufa, mistura aí uma essência de licor e amêndoas e prontinho!

Misture bem o creme e encha o ovo, mas não até a borda (deixe essa metade na fôrma, pois o contato com o calor da sua mão pode derreter um pouco o ovo e ele perder o aspecto brilhoso em algumas partes).


Para cobrir essa parte, derreti um pouco de chocolate branco. Recomendo a mesma quantidade que você derreteu para fazer o ovo, pois eu fiz menos e quase não deu, rs...


Agora, alguns cuidados para com o chocolate branco: o chocolate branco é chamado de chocolate por "consideração", porque ele não tem cacau propriamente dito, apenas a manteiga de cacau. Logo, ele é mais gosduroso. Como a gordura é um ótimo condutor de calor, ao derretê-lo, ele queima mais rápido e fica menos líquido que o chocolate ao leite. Portanto muita atenção na hora do derretimento, ok? Cobri toda a superfície do ganache com o chocolate branco, até encostar no chocolate ao leite, para "selar" e não vazar a cobertura. Aí é só desenformar!


Depois de pronto, meu marido cortou e olhem só que coisa deliciosa gente:


Aqui vale uma dica: deixe o chocolate "suar" por cerca de 12 horas, em local seco, fresco e arejado, para preservar a consistência e evitar que ele derreta muito rápido depois de embalado. Para embalar, usei papel chumbo decorado, com uma camada de papel manteiga, que é mais higiênico.


Envolvi cada metade do ovo separadamente, pois fiquei com medo de que o recheio de uma delas vazasse e fizesse meleca, rs... Mas você pode unir as metades e embalá-las juntas! Depois de embalar, passe um guardanapo de papel ou qualquer coisa do gênero para alisar o papel chumbo e deixar bem bonitinho.


Recheei com jujubas, que sei que meu marido gosta! Mas você pode rechear com o que quiser: bombons, balas, pirulitos, etc, etc e etc, ad infinitum! Se for para criança, que tal um brinquedinho? Fica a dica.


Ah, rolou um bombom Serenatinha de Amor, já viram essa novidade? Descobri esses dia numa lojinha no centro, achei um mimo! São menores que os bombons Serenata de Amor normais, amei, hahahaha! Aí, recheado e embrulhado, foi só embalar em um papel próprio, amarrar com uma fitinha e presentear!


Prontinho, adorei a idéia! Para esse ano não dá mais, mas já pensou na Páscoa do ano que vem?

Beijocão e boa semana a todos!
Comentário(s)
Comentário(s)