21/08/2011

Dica de filme - Trust (Confiar)

| |
Esse final de semana foi bem preguiçoso. E complicado. Preguiçoso por conta do friozinho gostoso que ficou abaixo do 5ºC que voltou ao Rio Grande do Sul enfim (adoro). E complicado porque, graças a mudança rápida de clima, a rinite chegou a todo vapor na tarde de sábado e ainda está aqui. Acho que tem uma sinusite querendo aparecer, porque me dói o "osso" da testa e maçãs do rosto, mas como eu não tenho muita experiência com sinusite, fico meio na dúvida ainda. Sei lá. O fato é que passei mais deitada debaixo das cobertas que qualquer outra coisa. Meu Decongex de sempre nem fez cócegas ontem, e hoje apelei pro Allegra, que aliviou bastante. 

Então, ontem baixei um filme que nem conhecia. Tenho essa mania de andar em sites de downloads de séries e filmes e ficar olhando as sinopses, se me agrada, baixo e vejo no que dá. Às vezes baixo cada abacaxi... Mas na maioria das vezes acerto. Um filme bacana que baixei e assisti ontem se chama Trust, ou, na versão brasileira, Confiar. 


Resumidamente, conta a história de uma menina que conhece um rapaz pela internet, e a história não acaba nada bem. Não vou fazer spoiler e contar o que termina mal, mas a saga do sofrimento da família com isso, e do pai em especial (o lindo do Clive Owen, diga-se de passagem), culpando-se por não ter conseguido protegê-la, é comovente. Achei um filme bastante atual, pois fala abertamente dos perigos que nossas meninas correm com esses aproveitadores da internet. Tem um ou dois flashes mais "pesados", mas é mais por objetos em cena que por atos da cena em si, acho que cada um pode avaliar se pode ser assistido em família ou não. Não achei a classificação por faixa etária. Se os filhos forem adolescentes, creio que pode ser visto sem problemas.

Abaixo segue o trailler do filme para vocês terem uma noção, eu gostei muito.



O site de onde costumo baixar filmes é o GS Filmes. Lembrando que fazer download de filmes para uso doméstico NÃO É CRIME. Mas copiar o filme para outra mídia (CD, DVD) a fim de comercializar configura crime de pirataria. ;)

Bjs 

Comentário(s)
Comentário(s)