06/11/2011

Seguindo o baile

| |
Como a semana tem sido muito cheia (minha semana funciona de domingo a sexta-feira por conta das encomendas de cupcakes e cakepops), então tenho tirado o sábado para ver filmes. Os últimos que vi são um tanto densos, eu diria. Não são filmes para o público em geral. É necessária uma certa sensibilidade, pois são um tanto filosóficos, fazem pensar.


O primeiro do qual vou falar é o "A árvore da vida", um Brad Pitt, o Sean Penn e uma atriz que não lembro de ter visto antes, chamada Jessica Chastain. 


"A Árvore da Vida' aproxima o foco na relação entre pai e filho de uma família comum, e expande a ótica desta rica relação, ao longo dos séculos, desde o Big Bang até o fim dos tempos, em uma fabulosa viagem pela história da vida e seus mistérios, que culmina na busca pelo amor altruísta e o perdão."





É um filme lindo, cheio de imagens fantásticas. Mas é preciso estar muito atento para não se perder no enredo,cheio de idas e vindas, sussurros e imagens de tirar o fôlego. Não recomendo para quem quer apenas passar o tempo. É o tipo de cinema-arte, muito pouco feito nos dias de hoje.


O outro filme assisti ontem, chama-se "Melancholia". Eu esperava outro tipo de enredo, mas esse me surpreendeu. Não aconselho para quem está meio deprimido viu, dá uma cooooooisiiinha no coração, rs, rs... 

"O longa é estrelado por Kirsten Dunst, Charlotte Gainsbourg e Kiefer Sutherland. A sinopse de "Melancholia" fala em duas irmãs que têm sua relação desafiada pela proximidade de um planeta que ameaça colidir com a Terra. O trailer mostra cenas de um casamento, em que a personagem de Dunst começa a questionar seu destino."


Enquanto uma das irmãs se mostra resignada e aceita o fim de tudo quase como uma dádiva, a outra entra em desespero. Esse filme leva a pensar no valor das coisas, em quantas vezes tudo parece triste e sem sentido demais pra ter valor. Mas também leva a ver que aproveitar o que se tem hoje é a solução para criar raízes em um mundo cada vez mais conturbado.

No mais, comecei a acompanhar dois seriados bem bacanas, mas estes ficam pra outros post né?

As minhas acidentadas parecem estar melhores, quero ver se dou uma fugida pra ir ver a Maria. A Lorena está no isolamento, recebendo visitas apenas por alguns minutos por dia porque a imunidade está baixa e por isso a infecção demora mais a ceder. Mas hoje a febre já está cedendo e espero que vá cedendo até sumir. Torço pra essas duas levarem esses dias no hospital com calma, porque todos sabemos que ficar em hospital é uma droga e haja saco.

Minha irmãzinha tá a faceirice em pessoa no tal retiro de adolescentes, mas foi ontem e hoje já retorna, aposto que vai chegar se achando A ADULTA INDEPENDENTE, mas a gente que já foi criança conhece muito bem esse sentimento, é uma delícia mesmo, rs...

Com relação à reeducação alimentar, comecei nesse final de semana o PROJETO 2012, com uma amiga. Ambas temos objetivos diferentes, mas são desafios pessoais bastante complicados que temos de resolver, e uma apoiando a outra creio que tornará tudo mais fácil. O meu objetivo é perder peso, sem sombra de dúvidas. Só assim conseguirei saúde emocional de verdade, sei disso. 

Ah, e tenho que falar que um dos meus objetivos de leitura desse ano foi atingido. Li tão pouco no ano passado que me propus um objetivo modesto, ler 5 livros. E já li os 5 e estou lendo mais. Sem contar algumas leituras paralelas que tenho feito,mas não tenho contabilizado. Para ver meus objetivos desse ano, só espiar ali em cima na aba "Objetivozinhos". 

No mais, tudo caminhando, logo começo a fazer mais uma encomenda de cupcakes, e assim seguindo a rotina das últimas semanas. Ando bem cansadinha, mas já estou vendo os resultados do esforço e isso é o que vale. Aí uma foto de uma das encomendas de cakepops, que vocês não viram ainda por aqui:



Bom, vou indo nessa, visito vocês logo mais, um beijo enorme e uma ótima semana!


Beeeeijos!
Comentário(s)
Comentário(s)