29/12/2013

Deixa eu falar uma coisa...

| |
Quando você chega no limite do sobrepeso, como eu cheguei, e começa enfim a emagrecer, precisa se preparar para muitas coisas. E uma dessas coisas é ouvir frases do tipo:

"Como você está bem! VOCÊ ESTAVA HORRÍVEL/GORDA DEMAIS."

Cara, pode parar no ponto de exclamação sem problemas. Ouvi isso de uma pessoa muito querida quando emagreci para o meu casamento, e isso me machucou muito, muito. Quando voltei a engordar e ganhei muito mais peso ainda, por meses fui atormentada por esse comentário, que martelava na minha cabeça e me fazia ter vergonha de sair na rua. Eu não estava bem, minha cabeça não estava bem, então isso servia de gatilho pra minha mente frágil ficar ainda mais fraca. 

Com 60 ou 160 kgs, a pessoa dentro do corpo ainda é a mesma. Nunca, jamais, devemos esquecer que o corpo é apenas uma CASCA. E que a pessoa que "habita" ali dentro ainda é uma pessoa, com sentimentos, com conflitos, e tudo o mais. 

Uma pessoa muito acima do peso dificilmente chegou a esse ponto por vontade própria. Alguma coisa saiu errado, seja doença, seja transtorno depressivo, ansiedade, enfim, algo não estava bem! Mas, se a pessoa ganhou peso por opção e vontade própria, e se sente bem com isso, quem somos nós para julgar? O livre arbítrio serve para todas as áreas da vida.

Não é preciso que se elogie sempre, ainda que isso faça um bem enorme e incentive quem está em processo de emagrecimento. Mas se, ao elogiar, você decidir lembrar a pessoa do quanto VOCÊ a achava feia, não faça. Guarde o elogio para si e apenas a cumprimente com um singelo OI. 

Eu não me irrito com quem fala isso (e olha que tenho ouvido muito isso ultimamente), porque na maioria das vezes a pessoa não faz por mal mesmo! Acho que nem lembro da maioria das pessoas que me falaram isso nos últimos dias, porque procuro deletar isso da cabeça. Hoje consigo fazer isso, mas não consegui por muito tempo, e várias pessoas sofrem demais com esse tipo de comentário. Mas acho válido alertar, porque mesmo sabendo que o comentário foi sem má intenção, o fato de você saber ali que a pessoa te achava feia ou pensava mal de ti, machuca um bocado. 

Postei isso hoje no Facebook, ao final de um dia em que ouvi isso duas vezes. Olha, na hora fiquei com vergonha, pra caramba, dei aquele sorrisão amarelo, e saí de fininho. Depois deixei pra lá. Mas não podia deixar de puxar essa reflexão aqui no blog, porque sei que muitas pessoas passam por isso e também sentem o mesmo que eu.

A única maneira é relevarmos e nos colocarmos acima disso. É preciso força, esforço e paciência para relevar. Mas a gente consegue.

Bom domingo pessoal!

Beijão!
Comentário(s)
Comentário(s)