18/09/2014

Receitinha da Semana - Alcachofra ao Bechamel light

| |

Olá turma! Eu ADORO experimentar coisas novas, novos sabores. A alcachofra foi uma das minhas "estreias" desse ano. Eu nunca havia experimentado, e morria de curiosidade. Mas sempre que via, acabava deixando pra depois, pelo preço salgado. Acontece que, dia desses, passeando pelo Nacional, vi algumas em promoção, e decidi: é hoje que vou testar essa mocinha! Olha, vou ser sincera: eu sequer sabia como se preparava uma alcachofra, e muito menos como se comia, hahahaha... Mas como eu digo: o importante não é saber, mas ter a URL de quem sabe! Hehehe... Sou muito boa em seguir tutoriais e o resultado foi o da foto de abertura. Não ficou tão bonita, mas poxa, foi a primeira vez que preparei, retirei miolo, espinho, etc. Então, para uma primeira vez, está super apresentável, não acham? Hehehehe... 

Bom, o fato é que AMEI o sabor suave da alcachofra. Eu pesquisei várias receitas e acabei inventando um molho bechamel light para acompanhar, pois achei tudo muito sem graça e tinha pressa, não ia ficar pesquisando receitas por hooooras. E ficou uma delícia. Acompanhada de um pãozinho integral torrado então... Vamos à receita?


Alcachofra ao Molho Bechamel Light


* Molho bechamel light
  • 300ml de leite desnatado
  • 1 colher de sopa de amido de milho diluída em 50ml de leite
  • 1 colher de sopa de manteiga (ou margarina light) com sal
  • 2 dentes de alho amassados (eu usei 6, mas é que aqui em casa alho é amor puro, rs)
  • 1/2 colher de café de noz moscada em pó
  • uma pitada de sal e pimenta
Como fazer:

Derreta a manteiga em uma panela, e doure o alho. Então, acrescente o leite e tempere com o sal, pimenta e noz moscada. Quando começar a ferver, acrescente o amido de milho diluído no leite e mexa até engrossar. Desligue o fogo e use imediatamente. 

Dica: prepare-o depois da alcachofra já cozida. 


* Alcachofra
  • 2 alcachofras
  • água
  • uma pitada de sal
  • 1 colher de sopa de vinagre
Como fazer:

Corte os cabos das alcachofras bem rente às flores. Então, com uma tesoura, corte todas as pontinhas das pétalas, pois elas não só não são comestíveis, como têm uns espinhozinhos que podem incomodar na hora de comer. Ponha-as em uma panela, e acrescente água até cobri-las completamente. Acrescente o sal e o vinagre e cozinhe por cerca de 40 minutos ou até que, ao puxar uma das pétalas inferiores, ela saia facilmente. 

Montagem:

- Abra delicadamente as pétalas da alcachofra. 
- Retire as pétalas do centro, bem devagar para não quebrar o coração da alcachofra. Retire o suficiente para que apareça o chamado "espinho" da alcachofra, que nada mais é que o miolo dela, fibroso e que não é comestível. 
- Retire-o puxando suavemente, e aos poucos, para não desmontar a planta. Ele sai facilmente. 
- Depois de retirá-lo, enxágue a alcachofra delicadamente e recheie com o molho bechamel. 
- Se desejar, polvilhe queijo ralado e leve ao forno gratinar. 

Agora o essencial para quem, como eu, ficou olhando e pensando: 

Como comer uma alcachofra?

Eu confesso que fiquei na dúvida e precisei recorrer ao Google. Mas resumindo em palavras:

Arranque uma pétala, delicadamente, segurando-a pela ponta que foi cortada. Passe a base dela no molho bechamel, morda próximo aos dedos, prendendo a pétala entre os dentes e puxe-a. Você não deve mastigá-la. O que você vai fazer é, puxando entre os dentes, retirar a polpa das pétalas, de sabor suave. Se você não entendeu esta explicação, veja este vídeo, lá pelo minuto 9:55:



Bom, é isso turma! Em breve falarei dos inúmeros benefícios à saúde da alcachofra, ok?

Beijão!
Comentário(s)
Comentário(s)