20/02/2015

Uma reflexão sobre motivação

| |

Olá turma, tudo bem? Então, hoje é dia de "senta aqui e vamos conversar", rs... Todos enfrentamos grandes desafios na vida e na maioria das vezes só podemos contar conosco mesmos. Essa é a realidade. Seja um desafio profissional, seja pessoal, todos requerem motivação para que se consiga chegar ao objetivo. Mas hoje eu vou falar de emagrecimento, que é meu foco principal agora, neste momento da minha vida. 

Acordar motivado não é algo que acontece com todos. Mas é preciso já acordar decidido a fazer o seu melhor. A seguir a dieta, o roteiro que você decidiu. E, para isso, várias coisas podem contribuir. 

Uma delas é o planejamento. Que motivação terei eu, Denise, que sou um zumbi pela manhã, em começar o dia seguindo a dieta direitinho, se não tem nada que eu possa comer na despensa? Ou se eu não deixei nada preparado? Despensa vazia, ou cheia de coisas que não podemos comer é a coisa mais desmotivadora da face da terra. Mas é algo que depende inteiramente de nós (salvo em casos de problemas financeiros). É muito importante sempre ter à mão coisas que você possa consumir prontamente assim que a fome surgir. Ou a chance de se descontar em algo que não deve é muito grande. 

Outra coisa importante é estabelecer metas e acreditar que vamos conseguir cumpri-las. Metas pequenas a princípio, como passinhos curtos rumo ao destino final. Mas o importante é acreditar que você vai conseguir. Invista em você mesmo, faça planos e observe os resultados. Eles virão!

Também é necessário não alimentar pensamentos derrotistas. Dá pra conseguir alguma coisa se a cada problema você despensa num abismo e tem certeza de que não vai conseguir? Não dá. Há momentos de fraqueza, mas quando estes pensamentos ruins vierem, afaste-os imediatamente. Há pessoas que parecem gostar de viver de dor. Digo "parece" porque acredito que seja impossível alguém que goste de sofrer. Mas alguns tornam um problema em um evento, com direito a crise existencial, a duvidar de tudo, de Deus, da vida, de si mesmo. Pare! Isso é doença! Se você ficar pensando no quanto é incapaz, no quanto é perdedor, no quanto é difícil, nada vai dar certo. E o único culpado será você. E então você vai acrescentar mais uma culpa apenas à sua coleção delas. 

Aqui entra outro ponto importante: abandonar a auto piedade. Sim, você engordou porque fez más escolhas. Se as más escolhas foram ocasionadas por depressão, remédios, seja o que for, analisando friamente você verá sua grande parcela de culpa nessa equação. Mas ter pena de si mesmo não vai resolver o problema. Você teve opções e fez suas escolhas. Erradas ou não, ninguém te obrigou a fazê-las. Assuma sua responsabilidade no erro e saia da posição de vítima. Vítimas são alvo de piedade, e piedade é bom até o ponto em que você é o coitado da história. Tome as rédeas da situação. É fácil culpar algo, alguém ou uma situação por nossos problemas. Mas apenas quando assumimos nossa responsabilidade é que nos tornamos capazes de dominar a situação e mudá-la. Sem contar que pessoas que sentem pena de si mesmas o tempo todo são muito chatas! Ninguém quer ficar perto de alguém que só reclama do quanto é vítima do mundo. Mesmo quem aguenta um pouco mais se afasta assim que pode. 

Seja sua própria motivação. Quando você foca em algo e consegue resultados, se torna sua própria fonte de motivação. Comparando como era antes, como está agora, você vê que é capaz sim, e que se foi capaz de fazer isso, pode fazer muito mais! 

Não espere nada dos outros. Sério. É muito importante você saber que ninguém tem obrigação alguma com você. Nem marido, nem filhos, nem pai ou mãe. Principalmente no que se trata de dieta. É formidável ter pessoas ao nosso redor apoiando! Mas elas não devem ser obrigadas a viver nosso momento. E a pior parte é a frustração: quando você depende dos outros, acaba criando expectativas que normalmente não são atendidas, aí se frustra e, mais uma vez, transfere a culpa para o outro. Dependa de você apenas, e os outros verão teu esforço e passarão a te apoiar!

Sabem, eu escrevo aqui para vocês e para eu mesma, afinal de contas, estou nesse processo também. E é preciso refletir, nos entender e buscar maneiras de se manter sempre da melhor maneira possível. Aí entra o verso do início da postagem: seja a melhor versão de você mesma. Não se espelhe apenas nos outros. Procure ser cada dia melhor, motive-se, anime-se e se cair, levante-se e siga em frente. Acredite em si mesma e nada poderá te deter!

Fiz esta imagem para ser compartilhada nas redes sociais também, pode copiar, ela já está no meu Instagram! 



Beijão e um lindo final de semana para vocês!

Se você curte o blog, pode me acompanhar nas redes sociais:
Comentário(s)
Comentário(s)