01/04/2015

Dieta e Páscoa

| |

Sabem, hoje não vou dar dicas de como se sair bem neste feriadão de Páscoa repleto de chocolates. Porque todo mundo vai fazer isso e eu já fiz, só espiar os arquivos do blog. E na verdade todo mundo sabe o que deve ou pode fazer. Não há mistérios envolvidos no processo. Vou fizer o que eu vou fazer. E vou dizer o porque eu posso fazer isso. 

Sabe, essa época de Páscoa para quem convive em grupos de dieta (Whatsapp, Facebook, etc) é um saco. Sério. Tem que ter muita paciência. Um saco porque a coerência foge meio pra longe. Não é algo generalizado, mas quem entra nessa onda torra a paciência de tal forma que dá desgosto de participar de qualquer coisa. 

De um lado tem o pessoal que vai começar a choramingar porque vai encher a cara de chocolate na Páscoa e vai engordar. Tipo, como se fazer caca fosse uma obrigação e o coelhinho viesse com uma roupa de dominador masoquista e um chicote ou alguma outra ferramente de tortura medieval e socasse chocolate goela abaixo da criatura. 

De outro lado aqueles que não vão comer porcaria porque são focados e não querem sair da linha, mas metralharão impunemente quem quer que diga que vai comer chocolate nestes dias. Tipo, como se manter dieta e afins fosse obrigação de todo ser humano que tenha uma celulite ou um pneuzinho. 

Há também aqueles que vão se empanturrar como se não houvesse amanhã e depois debochar e tornar alvo de chacota quem não fez isso sob a premissa de que "a vida é muito curta para" blábláblá. 

E tem as pessoas tipo eu, que não pretendem sair da dieta por ter ainda seus 20 e poucos quilos a perder - e pretendem perdê-los ainda nesta vida - mas não vão fazer drama algum, nem buscar formas de decapitação em público para quem não tem o mesmo objetivo. 

Claro que hoje pontuo as situações mais chatas mesmo. Porque há quem vai comer seu chocolatinho sem alarde, sem exageros também, aproveitar a data e permanecer no foco, sem dramas e há quem vai decidir não comer e também sem drama algum. 

Eu só não curto mesmo quem decide por "aproveitar" a Páscoa, comer chocolate e depois fica choramingando nos grupos e de mimimi porque engordou. Aí dá vontade de dar um chacoalhão de realidade. A vida é feita de escolhas, todos temos esta opção, ninguém é obrigado a nada nesta vida, mas as consequências de nossas escolhas vêm, e é isso. Não dá pra ficar reclamando pelo caminho, chorando e vestindo a camiseta de "coitado de mim que sou fraco". Encare sua decisão, pague o preço e siga em frente. 

Bom, só mais um pensamentozinho oportuno que decidi compartilhar com vocês. Se você não está em dieta, nem gordo como euzinha, aproveite bem sua Páscoa e coma chocolate por mim. Na próxima Páscoa será minha vez de aproveitar. 

Beijo!

Se você curte o blog, pode me acompanhar nas redes sociais:
Comentário(s)
Comentário(s)