01/06/2015

A saga da aliança

| |

Olá turma, tudo bem com vocês? Inicio esta semana contando com mais detalhes algo que compartilhei na página do Facebook e no Instagram ontem. 

Sou casada há pouco mais de 5 anos. Uma das coisas que mais me incomodou quando engordei foi deixar de usar aliança. Não deixei por vontade própria. Mas fui engordando e a aliança foi ficando cada vez mais justa, mais justa. Um dia machuquei meu dedo e começou a inchar bastante. Foquei com medo da aliança não querer sair e tentei tirar. Nada. De novo. nada. E quanto mais eu mexia, mais o dedo inchava. Comecei a ficar com medo de precisar chamar sei lá, bombeiros, ambulância, SAMU, exército (haha!), sei lá, porque a tal da aliança não saía do dedo e ele já estava ficando escuro pelo inchaço que estava prejudicando a irrigação sanguínea. Pensei no mico! Sou dessas pessoas que imaginam os piores micos e morre de medo deles. Tipo: imagina que mico ser atropelada e ser pega com a calcinha rasgada? E o pior, não poder murchar a barriga? E se o soutien escapa? Coisas do tipo hahahaha (por isso não uso calcinha rasgada kkkk). Mas esse era um medo / mico prestes a se tornar realidade. Corri no oráculo Google e testei tudo o que indicavam e nada dava certo. Até que achei uma dica de enrolar bem apertado o dedo com fio dental, e depois passar a ponta por dentro da aliança, ir desenrolando e a aliança ir saindo. E saiu mesmo (meses mais tarde testei em alguém e não funcionou, rs)! Ufa! Que alívio! 

Acontece que meu processo de "engordamento continuou e acabei não podendo mais usar a aliança. Guardei na minha carteira, levava comigo, mas não estava no meu dedo. Sabem, sou do tipo que AMA estar casada, amo meu casamento, meu marido, amo usar aliança. E não poder usar por estar gorda me doía muito. Era como a lembrança de uma humilhação diária sendo carregada na carteira. Sim, eu me punha nessa posição de vítima, tudo me humilhava. E isso era só mais um motivo para me sentir mal. 

Foi então que iniciei meu processo de emagrecimento. Há pouco mais de um ano comemorei por ter emagrecido o suficiente para poder voltar a usar a aliança. mas era um dia muito quente, meu dedo foi inchando no decorrer do dia, tirei a aliança e logo em seguida começou o meu drama da infertilidade e tudo aquilo que já compartilhei com vocês. Então abandonei a Dukan, engordei quase 20kg e a aliança voltou pra carteira. 

Acontece que acordei hoje e decidi testar se ela me servia. E qual não foi minha surpresa ao perceber que sim, servia? Confesso que mais uma vez meus olhos se encheram de lágrimas, e ganhei o abraço mais gostoso do mundo do meu marido. Ainda estava temerosa, com medo do dedo inchar e precisar tirá-la novamente. Mas não, um dia se passou e ela está aqui, perfeita no meu dedo. É um troféu, um presente, uma recompensa que ganhei pelo meu esforço diário. 

Eu tenho me esforçado bastante, sabem. Os resultados têm sido sensíveis, bastante difíceis. Por alguns meses neste ano menstruei ou seja, meus hormônios deram uma trégua e foi mais "fácil" perder peso. Mas já fazem uns 2 meses que tudo voltou a ficar doido de novo e calorões, enfim... Aí emagrecer tem sido bem difícil! Estou levando o "60 dias" super a sério, mas a balança tem me judiado! No entanto, mesmo que em passos de bebê, venho tendo resultados, mostrarei para vocês em breve. E a aliança servir foi como que a coroação disso. 

Enfim, estou MUITO feliz, e não poderia não compartilhar isso com vocês! Uma linda semana para vocês!

Beijos. 

Se você curte o blog, pode me acompanhar nas redes sociais:
Comentário(s)
Comentário(s)