19/01/2016

O que tenho eu (não) feito nas férias

| |
Imagem daqui.

De pernas para o ar curtindo uma praia... não, pera. Bom, como meu marido não tem férias (é autônomo, e sempre com bastante trabalho), este período é sempre difícil. Há algum tempo já não conseguimos viajar. Este janeiro não foi lá muito diferente, mas conseguimos nos organizar para passar uns diazinhos em Porto Alegre e depois um vapt vupt na praia, em Tramandaí. Gostaria de marcar com algumas pessoas, mas realmente temos uma "agenda" bem extensa e vai ser bem difícil encaixar qualquer coisa. Mas para uma próxima quero marcar com alguns lindos e lindas que conheço por ali. Como não temos conseguido ir à capital com mais frequência e na roça várias coisas são difíceis, faremos um intensivão em sebos, exposições e afins. É para aproveitar cada minuto mesmo. Estadia curta, corrida, mas recheada pra valer a pena. 


No mais, tenho ficado por casa  mesmo. Nas férias passadas eu aproveitei muito bem cada minuto. Acordei cedo, produzi muito para o blog, cuidei de mim, dormi mais cedo, foram as férias quase perfeitas. Mesmo não tendo podido viajar (!!!!!). Já nestas férias as coisas estão (bem) mais lentas. Eu sigo bem disposta, mas não tenho ainda caminhado todos os dias (calor desencorajador!), e meu joelho ainda não me deixa reiniciar o Focus T25. Fato é que preciso perder algum peso para começar, já que meu joelho está mais sensível. Tenho acordado mais tarde, dormido mais tarde também. A disposição para o blog segue em ritmo mais lento também, às vezes sento aqui e fico pensando sobre o que escrever. Na verdade assunto eu tenho, está me faltando aquela disposição para pesquisar e fazer bons posts. Bom, mas só falei sobre o que eu não tenho feito né? Bora mudar o foco.

Tenho assistido a alguns seriados e filmes pelo Netflix (menos do que eu gostaria, aquele problema da disposição). Tenho lido livros (estou finalizando o segundo e já com o terceiro separado, isso é bom, rs) e revistas. Escutado boas músicas no Spotify. Assistido a muitos vídeos no YouTube. Estou cuidando com capricho da minha alimentação. Eu sei que com o tratamento hormonal o processo é lento, mas tento deixar essa ansiedade de lado e tenho visto resultados. Não me pesei, mas sinto que o rosto já afinou (estava uma bolacha!), roupas começaram a folgar. Tenho feito em média 2 a 3 refeições diárias e estou aprendendo a identificar o que é fome de verdade e o que é sem vergonhice mesmo, rs... o resultado é que me sinto melhor e não tem sido sofrido, de verdade. Pelo contrário. Falarei mais em outro post. Tenho também paparicado muito meus bichinhos e o mais novo está cada dia mais danado, rs.

Bom, não tenho feito muita coisa e por conta disso sinto que as férias estão passando na velocidade da luz - praticamente já se foram! Mas não vou ficar focando no que não rolou, porque é burrice ficar chateada por algo que passou. Já foi, não deu. E se encerrar assim, está bom também. Todos temos nossos momentos. É preciso respeitá-lo e sair dele devagar, para sair mais forte. 

Me sinto a cada dia mais forte, melhor e sinto que em breve tudo poderá voltar a ser como antes. Estou pensando em começar a falar dos livros que leio, quem sabe de filmes e seriados também. Dividir, sabem como é.

E vocês, o que têm feito?

Beijão!
Comentário(s)
Comentário(s)