24/10/2016

Outubro Rosa: Kefir e quimioterapia

| |

Primeiramente, perdoem o tempo sem atualizações. Dias complicados! Mas estamos aí hahaha! Estamos no outubro rosa, mês dedicado à divulgação de informações a respeito do câncer de mama. Acredito que a maioria das pessoas já saibam sobre a importância do auto exame e todos estes protocolos. A gente sabe, o pôr em prática é que são elas, né?

Então eu pensei no tanto de posts em blogs sobre o assunto e fiquei meio sem vontade de fazer mais do mesmo. No entanto, surgiu um tema que tive urgência em compartilhar com vocês, pois é algo sobre que eu já tinha informação, mas não tinha a experiência prática que tenho agora: o uso do kefir durante a quimioterapia.

Como alguns sabem, minha sogra está lutando contra o surgimento do segundo câncer de mama. Ela teve há cerca de 5 anos atrás e o câncer retornou, na mesma mama. É uma história complicada, visto que ela fez a mastectomia total da mama esquerda e, acreditem, o tumor não foi retirado nesta cirurgia. Não vou nem entrar nos méritos dos "culpados". Ela preferiu deixa essa história pra lá e no fim deu tudo certo. Ela partiu então para uma segunda cirurgia para, enfim, a retirada deste tumor. Quando estava recuperada da cirurgia, passou-se então para uma nova etapa do tratamento: as quimioterapias. E é aí que o kefir entra.

Se você não leu ainda o post que fiz sobre o kefir, veja AQUI.
E caso queira saber como adquirir e cuidar do seu, leia este post AQUI.

Um belo dia estava eu no Facebook quando vi uma moça anunciando a doação de kefir, e neste anúncio ela disse que dava preferência de dpação a pessoas em quimioterapia. Fiquei intrigada e decidi pesquisar sobre o assunto. Foi então que li diversos artigos que tratavam dos benefícios do kefir como aliado nestes momentos. Segundo estes, ele manteria a imunidade num nível bem melhor durante o tratamento quimioterápico. Todos sabemos que a quimioterapia é um tratamento necessário, mas muito agressivo, que destrói célular cancerígenas, mas infelizmente células boas também. O normal é a imunidade baixar a níveis preocupantes, o que favorece infecções e muitas vezes acaba levando os tratados a óbito. Um dos benefícios do kefir seria esse aumento da imunidade. Então as informações pareciam ok. Mas eu confesso que não acredito em alimentos milagrosos. Acho que algo só faz diferença dentro de um contexto. Mas então, vamos à comprovação prática que tive.

Conversei com a minha sogra e me disponibilizei a preparar o leite kefirado para ela (eu cuidaria dos grãos e da fermentação e enviaria apenas o produto já pronto). Junto disso, conversamos e ela aceitou reduzir significativamente o consumo de açúcar e carboidratos ruins, e priorizar o consumo de vegetais, gorduras de boa qualidade e boas fontes de proteína (ela não pode comer muitas frutas, pois é diabética). Claro que a alimentação não ficou um primor, há coisas das quais ela não abre mão e ponto, mas senti que deu uma melhorada. Mas o consumo do kefir é diário. Inclusive após as sessões, há dias em que ela se sente muito mal e só consegue consumir o kefir.

Entre uma sessão de quimioterapia e outra, são feitos exames para verificar a imunidade. Caso as taxas estejam muito baixas, é preciso melhorá-las primeiro, para só então proceder uma nova sessão de terapia. O que aconteceu neste exame (ela então havia feito a primeira sessão apenas) é que me deixou surpresa: a imunidade dela estava tão boa, que espantou o médico que quis saber o que ela vinha fazendo. E a explicação mais plausível era: o consumo diário do kefir, com uma melhora básica dos hábitos alimentares. 

Porque é importante essa melhora dos hábitos? Por exemplo, se você consumir o kefir, sua imunidade irá aumentar. Mas se, junto disso, você consumir muito açúcar, o efeito pode ser zero, pois o consumo do açúcar tem como uma das consequências exatamente esta queda da imunidade. 

Achei importante compartilhar com vocês esta informação, pois pode ser um grande aliado na sobrevida de pacientes com câncer. Sabemos que um organismo saudável é capaz de suportar melhor estes tratamentos, e dessa forma as chances de que a pessoa se recupere completamente são bem maiores. Atualmente os casos de câncer são tantos que chega a ser desanimador. Mas se tivermos bons aliados, poderemos ajudar estas pessoas em sua recuperação e, porque não, em sua cura.

Há várias maneiras de preparar o kefir, no próximo post ensinarei uma receita de cream cheese de kefir, que é ótima para acompanhar pãezinhos ou queijinhos!

Compartilhem esta informação. Fiz um post, indicado ali em cima, sobre como conseguir seu próprio kefir, como cuidar dele e tudo o mais. Vale a pena investir nele, e agora eu sei disso mais do que nunca!

Beijão!
Comentário(s)
Comentário(s)