01/07/2012

Shame on you.... Blogueira Shame.

| |
Imagem DAQUI.

Hoje passei o dia fora. Fomos ver as "terras" do meu marido, visitar a vó dele, enfim. Cheguei em casa, vou espiar meu Instagram e o que vejo? A tal blogueira Shame desmascarada. Parece que linkou sua conta do Instagram à do blog e enfim, seu descuido causou a descoberta de sua identidade.

O que penso sobre isso? Minha opinião, pessoal, intransferível e imutável: que ótimo que isso aconteceu. Eu sei que MUITA gente se divertia lendo os posts dela, onde ela ria da cara de muitas blogueiras, de seus erros de ortografia/concordância/semântica e de fotos mal feitas (ou mau gosto mesmo). Logicamente, alguns bem grotescos. Mas, sinceramente, se o que ela fizesse fosse tão cheio de boas intenções, e legítimo, não precisaria do anonimato para fazê-lo. 

Concordo plenamente que houve um "surto" de blogs de moda e beleza, assim como está havendo um "boom" os blogs literários e já houve o mesmo nos blogs de emagrecimento. Nessas "levas" entra muita gente despreparada, e também muita gente que quer se aproveitar da possibilidade de parcerias, brindes e qualquer favorecimento. Mas não cabe a mim ou a ninguém julgar e criar uma coletânea de erros (alguns, vamos falar sério, eram puro veneno, erro mesmo mal havia algo) alheios para satisfazer meu ego ou minha "sede de justiça". Tem espaço para todo mundo na internet, e alguns apenas querem fazer o que gostam, por terem se sentido inspirados por um blog ou outro.

Já olhei o blog muitas vezes, lá se podia ver coisas bem absurdas, de gente mal alfabetizada mesmo, mas existiam alguns posts que simplesmente mostravam uma dor de cotovelo tremenda, blogueiras sendo atacadas sem motivo. E o que falar os comentários? As blogueiras do ramo que se sentiam injustiçadas com a "leva" de blogueiras novatas, lavavam a alma. Desde comentários comuns, sem nada demais, até comentários com tanto veneno que deve ter respingado no próprio autor dele.

O que há é uma disputa ferrenha por brindes e parcerias nos blogs em geral, e enquanto algumas continuam fazendo o seu trabalho e colhendo os "louros", outras ficam se engalfinhando e achando o cúmulo que apareçam mais concorrentes. CADA UM LÊ O QUE QUER. Se eu fui no blog, vi erros de ortografia medonhos, conteúdo ruim, etc, paro de ir e fim. Não é preciso criar um blog para esculachar a pessoa.

Muitos já sabiam quem ela era, qual o blog (de moda e beleza também, diga-se de passagem) pessoal e tudo, mas a maioria prefere deixar o barco andar. Mas quem foi atingido, principalmente sem um motivo que justifique o ataque, quer mais é que a verdade apareça. Eu nunca fui citada, mas conheço pessoas que foram, e por motivos idiotas mesmo. Entraram de gaiatas na falta de pauta da "titia Shame" que, quando revirava a internet e não encontrava nada horrendo, pegava qualquer foto e gongava legal.

Fala-se muito nos blogs sobre direito de imagem e autoria. E as fotos que ela pegava dos blogs sem pedir a devida permissão? E ainda mais, as usava para ofender e humilhar o blogueiro. Vi muita gente que achava o cúmulo que se usasse imagens de seus blogs em outros sem um papel assinado em três vias e com autenticação em cartório dando a permissão, lá, gongando os alvos da chacota.

Enfim, volto à questão de que tudo o que é legítimo, com boas intenções, e serve apenas para um "alerta", como se dizia a respeito do blog (que inclusive, neste exato momento, está fora do ar), não precisa ser feito no anonimato. Se é legítimo se esconder atrás de um blog e do anonimato para não ser atacada pelas "vítimas", qual a garantia das meninas atacadas? 

Bom, eu sou contra essa coisa de ofender, humilhar e fazer chacota daquela maneira com quem quer que seja. No mais, só posso sentar no banco e observar no que vai dar isso tudo. Tem muita gente brigando, se destratando por conta disso. Eu decidi expôr minha opinião. Acho que agora, dando a cara a tapa (se é que vai dar), quem sabe ela tome uma decisão civilizada. 

Pimenta nos olhos dos outros é refresco. Mas quando é nos da gente, arde bastante.

Bjs.
Comentário(s)
Comentário(s)