Dicas featured

Kindle: vale a pena ou não?

20:37Denny Baptista

Kindle 10ª Geração

E eis que fiz o que imaginava que jamais faria: me rendi ao Kindle. E neste post vou falar para vocês sobre os motivos que me levaram a adquirir um e-reader, e o que estou achando dele. 



Sempre fui uma leitora voraz, desde pequena. No Ensino Médio lia uma média de 2 a 3 livros por semana - isso enquanto cursava Habilitação ao Magistério que começou com 17 disciplinas e terminou com 24. Meus pais já me davam muitos livros. Mas quando comecei a ganhar meu próprio dinheiro, comecei a comprar. E quando peguei intimidade com as compras online e seus preços atrativos, meu acervo foi aumentando consideravelmente. Eu gosto do livro físico. De cheirá-lo, escrever meu nome nele, riscar, sublinhar. É um prazer para mim desembrulhar um novo livro ou comprar uma versão de colecionador de um clássico. Eu tinha cerca de 200 livros e meu esposo mais aproximadamente a mesma quantidade. Eram duas estantes abarrotadas e mais vários livros em outros lugares.

Acontece que nos últimos 4 anos morei em 3 cidades diferentes e fiz 3 mudanças. Quando saí do Rio Grande do Sul para vir para Santa Catarina, precisei me desfazer de alguns livros. Foi difícil selecionar os que ficariam. O primeiro lugar onde morei em Joinville era uma kitinete, muito apertada. Os livros tomaram um espaço muito grande. Quando me mudei para um apartamento maior, isso ficou mais tranquilo. Porém, quando decidimos vir para Florianópolis, decidimos fazer um grande limpa nos livros que tínhamos. Me desfiz daqueles que já havia lido e não leria novamente e que não fariam diferença ter ou não ter em casa. Foi um desapego considerável. O apartamento onde moramos não é uma kitinete, mas tem um quarto apenas, e já era mobiliado, com uma estante apenas. Fizemos uma estante extra com caixotes de madeira - ficou bem legal. Não tenho mais onde pôr livro, mas sigo gostando muito de ler. 

Foi aí que o Kindle começou a ser uma opção. Como eu poderia ter livros, sem precisar dispender espaço para guardá-los? Então decidi adquirir o Kindle. Meu marido estava precisando para fazer umas leituras de arquivos em PDF enquanto eu usava o computador para minhas coisas (ele faz mestrado, o volume de leitura é imenso). E eu estava com este impasse. Então, tomei uma decisão: todo livro que me interesse primeiro será comprado em sua versão e-book. Se eu achar que vale a pena ter no acervo, se o relerei e tal, então comprarei a versão física dele. Claro que eventualmente eu não resisto e compro algum, como foi o caso do livro A garota do lago, do qual fiz resenha recentemente aqui no blog.

Bom, mas o intuito deste post é falar sobre o Kindle, se valeu a pena ou não e o que eu acho dele. 

Quando decidi comprar fiquei de olho em promoções. Haviam diversos modelos e os preços variavam muito. Também não queria gastar demais com uma parafernalha eletrônica que eu nem sabia se gostaria realmente. Vi reviews na internet sobre os diversos modelos. Decidi comprar o 10ª geração com iluminação embutida. Acima dele há o PaperWhite, que é à prova d'água, tem mais armazenamento interno e algum recurso de iluminação diferente. Mas o valor estava bem acima, quase R$200 de diferença.

Especificações

Então, como eu disse, optei pelo Kindle 10ª geração com iluminação embutida. Ele possui 2,75Gb de armazenamento. No começo eu achei pouco. Porém, para vocês terem ideia, há mais de 210 livros armazenados nele (há mais desde que tirei a foto abaixo) e não ocupei nem os 0,75GB. Ou seja: o armazenamento rende pra caramba. Você o carrega via USB,  a bateria dura SEMANAS. Sério. Eu leio bastante nele e a bateria realmente dura demais.


Quando pesei entre ele e o PaperWhite vi que ser a prova d'água não faria nenhuma diferença para mim, já que não usaria ele em situações que assim necessitasse e achei que o tipo de iluminação não me importava realmente. O armazenamento me deixou meio pensativa, mas decidi arriscar e agora vi que foi uma ótima decisão. Em tempo: paguei R$269,00 (comprei em meados de julho de 2019) e o frete foi gratuito. Comprei numa quinta-feira e na terça ou quarta seguinte já o recebi.O que eu comprei esta neste link.

Valeu a pena?

Bom, eu acho que realmente valeu a pena. A leitura nele é muito confortável, os e-books são mais baratos e também há o serviço da Amazon chamado Kindle Unlimited onde você conta com milhares de livros com acesso gratuito e integral, por cerca de R$19,90. Ele ocupa um volume pequeno na bolsa, o que ajuda bastante a carregá-lo para lá e para cá - mas costumo deixá-lo em casa mesmo.


O Kindle é o legítimo caso em que a pessoa que cospe pra cima toma de volta na testa, rs... Gostei muito dele e achei uma forma muito bacana de continuar lendo livre demanda sem precisar ocupar espaço aqui em casa. Se você pensa como eu pensava, que jamais compraria um e-reader, digo uma coisa: vale a pena testar.

Beijão!

Você pode gostar destes também

0 comentários

Se você deseja uma resposta a alguma pergunta específica, por gentileza use uma das opções abaixo:

- Deixe seu e-mail, pois o sistema de comentários do blogger não notifica quando respondo, e te responderei por e-mail;

- Envie sua pergunta pelo formulário de contato do blog, do lado direito e deixe seu e-mail para que eu lhe responda;

Beijão!

recent posts

Flickr Images

Formulário de contato